Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Hendecacampees chegam hoje a Kunshan

Melo Clemente - 26 de Julho, 2017

O combinado nacional deve realizar no perodo nocturno a primeira sesso de treinos em terras asiticas.

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Pré-Selecção Nacional de basquetebol sénior masculina desembarca no final da tarde de hoje, quarta-feira, na cidade de Kunshan, China, onde a partir do dia 29 do mês em curso a cinco de Agosto próximo, vai competir no torneio internacional da modalidade, prova inserida no âmbito da sua preparação, visando o Campeonato Africano das Nações, vulgo Afrobasket, competição a ser coorganizado pela Tunísia e Senegal, respectivamente, de oito a 16 de Setembro do ano em curso.

Depois de ter deixado a capital do país, Luanda, nas primeiras horas da noite de terça-feira, rumo ao Dubai, em transito para a República Popular da China, o combinado nacional deve realizar no período nocturno a primeira sessão de treinos em terras asiáticas.

 Angola vai disputar o torneio internacional, ao lado do país anfitrião (China), Nova Zelândia e Lituânia. Os angolanos vão realizar nove a dez jogos de controlo, sendo seis para o torneio internacional e mais quatro ou cinco partidas com equipas locais da primeira liga chinesa.

Para a \"operação\" República Popular da China, o seleccionador nacional levou consigo catorze atletas, devendo o extremo poste Bruno Fernando, atleta que milita do IMG Academy dos Estados Unidos da América, juntar-se ao grupo no dia 28 do mês em curso, já na China.

Trata-se de Armando Costa, Heremenegildo Santos, Roberto Fortes, Carlos Morais, Leandro da Conceição, Gerson Gonçalves \"Lukeny\",  Olímpio Cipriano, Leonel Paulo, Reggie Moore, Felizardo Ambrósio \"Miller\", Yanick Moreira, Milton Barros, Sílvio Sousa e Eduardo Mingas.

Ficaram de fora na primeira triagem os seguintes atletas: Pedro Bastos, Edson Ndoniema, Teotónio Dó, Gerson Domingos e Alexandre Jungo.
Valdelício Joaquim, extremo poste do Recreativo do Libolo e da Selecção Nacional, foi o primeiro atleta a ser afastado, por indisciplina.

Angola está inserido no Grupo B da fase final do Afrobasket 2017, ao lado da República Centro Africana, Marrocos e Uganda, respectivamente.
Nigéria, campeã africana em título, lidera o Grupo A, juntamente com as selecções da República Democrática do Congo Mali e Costa do Marfim, ao passo que a Tunísia figura no Grupo C, juntamente com a Guiné, Rwanda e Camarões. Já no Grupo D, estão as selecções do Senegal, Moçambique, Egipto e África do Sul.


Acordo
Armando Costa
prolonga vínculo


O base da equipa sénior masculina de basquetebol do 1º Agosto e da Selecção Nacional Armando Costa renovou, por mais duas temporadas, o seu vínculo contratual com a formação \'militar\', apurou a Angop de fonte oficial.

De acordo com o agente do atleta, Joaquim Alberto, que prestou a informação, as duas partes (clube e jogador) chegaram a acordo, depois de alguns meses de negociações, uma vez que o anterior contrato terminou depois do final do BIC Basket2017, ganho pelo Recreativo do Libolo.

Com 1,89 metros, trata-se de um dos bases mais altos do país e mais experientes. Transferiu-se para o 1º de Agosto em 2005, proveniente do Queluz de Portugal.

Drible e visão de jogo são as principais características do jogador de 34 anos de idade, que ao serviço da selecção nacional conquistou quatro Campeonatos Africanos (2005, 2007, 2009, 2013).

Neste momento o atleta está ao serviço da Selecção Nacional, que prepara presença no Afrobasket2017, a ter lugar na Tunísia e Senegal.