Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Interclube tem hoje missão difícil

Melo Clemente - 22 de Março, 2016

Petrolíferos da capital querem confirmar à passagem para as meias-finais com mais uma vitória

Fotografia: José Cola

Com uma desvantagem de 29 pontos (94-65), a formação do Grupo Desportivo Interclube recebe hoje, a partir das 18h00, no Pavilhão 28 de Fevereiro, o Atlético Petróleos de Luanda, em partida a contar para a segunda mão dos quartos-de-final da 32ª edição da Taça de Angola de basquetebol em seniores masculinos.

Para alcançar o passe para as meias-finais da edição 32 da segunda maior competição do país, a nível da "bola ao cesto", a equipa adstrita a Polícia Nacional terá de vencer por mais de 29 pontos, uma missão que se pode considerar de extremamente difícil, a julgar pelo potencial da equipa do Eixo-viário, actual campeã nacional.

Ontem, na sessão derradeira, o técnico português ao serviço da turma da Polícia, Alberto Babo, ensaiou de forma aturada a estratégia a ser aplicada no embate de mais logo.
Apesar de possuir um conjunto bastante jovem, a formação do Grupo Desportivo Interclube tem estado a apresentar uma qualidade de jogo acima da média, facto que tem deixado satisfeito a equipa técnica da turma da Polícia liderada por Alberto Babo.

A jogar em casa, os polícias vão seguramente tentar dificultar ao máximo as pretensões dos petrolíferos da capital, que venceram na primeira mão dos quartos-de-final da Taça de Angola, por 94-65.

Gerson Domingos, campeão de sub-16 em 2013, ser-lhe-á dado mais uma vez, a missão de conduzir todo o jogo ofensivo do Grupo Desportivo Interclube, como de resto, tem acontecido na presente época desportiva.

O técnico Alberto Babo vai poder contar com todas as suas unidades, facto que vai aumentar ainda mais o seu leque de opções, para contrapor o jogo ofensivo da equipa forasteira.

Entretanto, apesar de ter conseguido uma vantagem de 29 pontos, fruto do triunfo da primeira mão dos quartos-de-final, por 94-65, o técnico Lazare Adingono tenciona repetir a proeza, ou seja, alcançar a segunda vitória diante do Interclube.

Mesmo com uma vantagem confortável de 29 pontos, o técnico principal do Atlético Petróleos de Luanda colocou de parte a possibilidade de utilizar a segunda equipa, no embate desta noite que vai definir um dos semifinalistas da 32ª edição da Taça de Angola de basquetebol em seniores masculino.

Emanuel Quezada e Jason Cain, dois influentes jogadores que falharam o prélio da primeira mão dos quartos-de-final, poderão constar da lista dos convocados do técnico petrolífero.

O equilíbrio poderá marcar algumas etapas da partida, a julgar pela qualidade dos dois planteis, apesar de neste quesito, os petrolíferos da capital estarem melhor servidos.