Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Investigaes sobre o acidente prosseguem

01 de Fevereiro, 2020

Fotografia: DR

Os admiradores de Kobe Bryant estão expectante no funeral que deve ocorrer nos próximos dias. A dor pela perda de Black Mamba continua a tocar os corações de milhares de fãs em todo o mundo em simultâneo à necessidade de informação sobre os reais motivos da queda do helicóptero, que também levava a filha Gianna e mais sete outros ocupantes. A NTSB (Transportation Safety Board), entidade responsável pela investigação, assegurou por meio do porta-voz Ian Gregor, da Divisão Pacífico da FAA (Federal Aviation Administration) que as causas mais provável do acidente pode levar mais de um ano. Um relatório preliminar vai ser divulgado na próxima terça-feira.
Um piloto de helicópteros que actua há 20 anos em Los Angeles e preferiu ficar anónimo disse que conhecia bem a Islands Express Helicopters, empresa proprietária da aeronave que se acidentou no dia 26 de Janeiro, em Calabasas (EUA) e resultou na morte de Kobe Bryant.
No segmento, disse que a empresa tem a reputação exemplar tanto para a manutenção das aeronaves quanto nas suas operações. "Pela comunicação do piloto com os controladores, do que foi divulgado, não ouvi nada de anormal ou que levantasse qualquer suspeita de algo que não estava bem com a aeronave", afirmou.
O especialista comentou também que, em situações de voo em condições visuais, como no caso da interrompida viagem, é responsabilidade do piloto verificar a visibilidade no momento e tomar as decisões com relação à segurança da aeronave. Ainda é cedo para concluir se a ausência de um dispositivo de bordo que previne impactos no helicóptero teve algum papel no trágico episódio, num dia de densa névoa na região.
A Island Express Helicopters anunciou que suspendeu as suas operações por tempo indeterminado.
"O choque pelo acidente afectou todo nosso estafe e a direcção decidiu suspender o serviço por um tempo, uma medida apropriada tanto para nosso estafe como para clientes", divulgou a companhia em comunicado.
A empresa está em actividade desde 1986 com helicópteros Sikorsky S-76, modelo que transportava o ídolo do Los Angeles Lakers. A nave em particular foi fabricada em 1991.

LEBRON JAMES
TACTUA MAMBA

LeBron James resolveu fazer uma tatuagem para homenagear Kobe Bryant. A informação é do site TMZ. LeBron e Anthony Davis, que são companheiros no Los Angeles Lakers, foram juntos até a tatuadora Vanessa Aurelia, de acordo com a publicação.
O desenho ainda é um mistério, mas as imagens do treino dos Lakers deram uma ideia da tatuagem. A homenagem traz um desenho da cobra Black Mamba (Mamba-negra, em português), apelido de Kobe ao longo da carreira no basquetebol, junto da frase "Kobe 4 Life" ("Kobe para a vida", na tradução literal para o português), segundo o TMZ.

APÓS MORTE DO MARIDO E DA FILHA
Vanessa Bryant quebrou o silêncio sobre a morte do marido, Kobe Bryant, e da filha de 13 anos do casal, Gianna. Agradeceu ao fãs pelo apoio durante a semana e declarou que "gostaria que eles estivessem aqui connosco para sempre". Vanessa anunciou que criou um fundo para ajudar a família das outras vítimas do acidente.
"Minhas meninas e eu queremos agradecer às milhões de pessoas que demonstraram apoio e amor durante esse período horrível. Obrigado por todas as orações. Definitivamente, precisamos delas. Ficamos completamente arrasados pelas famílias que perderam os seus entes queridos no domingo e compartilhamos intimamente a sua dor", escreveu Vanessa no Instagram.
"Não há palavras suficientes para descrever a nossa dor no momento. Sinto-me confortável em saber que Kobe e Gigi sabiam que eram tão profundamente amados. Fomos incrivelmente abençoados por tê-los nas nossas vidas. Gostaria que eles estivessem aqui connosco para sempre", lê-se.
"Elas foram as nossas lindas bênçãos tiradas de nós muito cedo. Não sei ao certo o que reserva nossas vidas e é impossível imaginar a vida sem eles. Mas acordamos todos os dias, a tentar continuar a lutar, porque Kobe e a nossa filhinha, Gigi, estão a brilhar para iluminar o caminho", acrescentou.
"Nosso amor por eles é infinito. Eu só queria poder abraçá-los, beijá-los e abençoá-los. Tê-los aqui connosco, para sempre. Obrigado por compartilhar a sua alegria, a sua dor e o seu apoio connosco”, escreveu.

 HERDEIROS
Fortuna avaliada em USD 800 milhões


Kobe Bryant soube administrar em vida a fortuna que conseguiu nos largos anos da sua carreira profissional e deixa uma herança de mais de 600 milhões de euros para a mulher Vanessa Laine e as filhas Natalia, Bianca e o bebé de sete meses, Capri.
A Forbes estima que a fortuna do jogador ronda os 800 milhões de dólares (cerca de 726 milhões de euros).
Black Mamba conseguiu 650 milhões de dólares (cerca de 590 milhões de euros), apenas em direitos publicitários e salários nos Lakers.
O antigo basquetebolista também ampliou a linha de investimentos num grupo de bebidas energéticas, onde comprou 10 por cento das acções que valorizaram quatro anos depois. Kobe Bryant adquiriu ainda participações em plataformas desportivas, videojogos, entre outros negócios.

MORTE ANUNCIADA
A morte de Black Mamba foi anunciada por um cibernauta em 2012, quando escreveu na sua página de Twitter que "Kobe Bryant iria falecer na sequência de um acidente de helicóptero". Quase oito anos depois, o cibernauta mostrou-se arrependido ao ver como a sua profecia se tornou viral com mais de 100 mil partilhas, depois de saber do falecimento de Bryant.