Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Jogo grande

05 de Abril, 2016

Libolenses e militares começam a definir o futuro na Taça de Angola ao jogarem esta noite o primeiro jogo das

Fotografia: José Soares

O Recreativo do Libolo recebe hoje no pavilhão do "Dream Space" a formação do 1º de Agosto, para a primeira-mão das meias-finais da Taça de Angola em basquetebol, enquanto no outro jogo o Petro de Luanda tem pela frente o Atlético Sport Aviação, ASA.

O jogo entre libolenses e militares coloca em confronto o actual líder do campeonato nacional, 1º de Agosto, ao segundo classificado da prova, uma partida de prognóstico difícil, mas que promete muitas emoções esta noite.

Libolo e 1º de Agosto são dois conjuntos que, além do "nacional", têm, também, as suas baterias apontadas para a Taça, quando se sabe que seguramente uma das equipas vai ficar pelo caminho nesta fase, impossibilitada de chegar à final e lutar pelo troféu.

No outro encontro, o campeão nacional Petro de Luanda terá de mostrar trabalho para superar o ASA. Os aviadores estão numa fase ascendente no campeonato nacional BIC-Basket, batendo o pé a adversários apontados como teoricamente mais fortes, como foi o caso do Libolo no passado sábado que venceu de forma apertada por seis pontos.

O Petro tem tido uma passada discreta até ao momento, mas a margem de erro é pouca se pretender continuar em prova. O ASA, por seu turno, espera fazer o seu jogo, e a equipa já deve estar recuperada do esforço dispendido no último jogo, para poder neutralizar os petrolíferos nesta primeira-mão.

YANICK
O conselho jurisdicional da Federação Angolana de Basquetebol (FAB) indeferiu o recurso apresentado pelo Petro de Luanda para a inscrição de Yanick Moreira no BIC Basket.

Em comunicado enviado à Angop, o organismo confirmou a decisão inicial do conselho técnico da FAB, considerando que o Petro já havia atingido o número limite de inscrições (16) de atletas no campeonato nacional.

Os campeões nacionais ainda pediram a anulação da inscrição do jogador Eduardo do Nascimento Borges, entretanto emprestado ao ASA, mas a FAB entende que o jogador já actuou pelo Petro esta época, mais precisamente no campeonato provincial de Luanda.

Este deverá ser o ponto final na novela Yanick Moreira. O internacional angolano rescindiu em Fevereiro com os franceses do Rouen Metro Basket, da primeira divisão, por quem realizou apenas quatro jogos, e é agora um jogador livre.