Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Johne Pedro est fora da segunda fase da competio

Melo Clemente - 30 de Março, 2016

Jogador continua no Porto e fica fora das quadras trs a quatro semanas

Fotografia: M. Machangongo

O extremo poste do 1º de Agosto, Johne Pedro, recupera satisfatoriamente da mazela que o apoquentava, depois de ter sido submetido recentemente no Porto, Portugal, a uma intervenção cirúrgica ao joelho esquerdo, segundo apurou o Jornal dos Desportos de fonte do clube militar.

Em face disso, o jovem jogador que foi uma das peças fundamentais do clube militar durante a fase regular da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, vulgo BIC Basket, está fora da fase de grupos que este fim de semana faz disputar a segunda e terceira jornadas do Grupo A.

De acordo com a nossa fonte, o extremo poste que é uma das apostas do seleccionador nacional, Carlos António Dinis, para o Torneio Pré-olímpico de Belgrado, Sérvia,  prova selectiva para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Brasil,  marcada para o último semestre do ano em curso, recupera na cidade do Porto da  sua lesão, pelo que, o regresso na fase de qualificação da 38ª edição do BIC Basket é quase um facto consumado.

"A recuperação de Johne Pedro é satisfatória depois da  intervenção cirúrgica a que foi submetido. A previsão era para  três a quatro semanas fora das quadras. Creio que em função da recuperação acelerada se assim podemos dizer, acredito que ele possa  disputar a fase qualificação", prognosticou a nossa fonte.

O mesmo acontece com o extremo poste francês, Tariq Kirksay, que quebrou um dos dedos da mão direita. A nossa fonte fez saber sobre a necessidade da formação do Clube Central das Forças Armadas Angolanas recuperar todos os seus activos, para abordar da melhorar maneira possível a ponta final do Campeonato Nacional da "bola ao cesto".

"Como sabe o jovem Johne Pedro é um atleta que estava a destacar-se no plantel, fruto das suas boas exibições, mas infelizmente, o azar bateu-lhe à porta. Portanto, creio que é imperioso recuperar todos os nossos activos para abordarmos da melhor maneira a ponta final do BIC Basket", revelou.

Entretanto, depois de ter vencido na primeira jornada da fase de grupos o Atlético Sport Aviação (ASA), por difíceis 67-60, partida disputada no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela, a equipa rubro - negra projecta com todos os cuidados a dupla jornada do final de semana.

Na sexta-feira, o 1º de Agosto joga com o Clube Desportivo da Marinha de Guerra e no sábado os militares visitam o Grupo Desportivo Interclube, equipa comandada pelo técnico português  Alberto Babo.

Ricard Casas, técnico espanhol ao serviço da equipa militar, ensaia as estratégias para alcançar o duplo triunfo, a fim de se manter intacto no primeiro lugar da tabela classificativa do Grupo A.

 A segunda jornada do Grupo A reserva ainda os aliciantes Recreativo do Libolo-Atlético Petróleos de Luanda e Grupo Desportivo Interclube-Atlético Sport Aviação (ASA).

À entrada da ronda dois, a formação do 1º de Agosto ocupa o primeiro lugar com três pontos, seguido do Atlético Petróleos de Luanda e do Recreativo do Libolo com dois pontos cada. Os últimos tês lugares são ocupados pelo Atlético Sport Aviação (ASA), Grupo Desportivo da Marinha de Guerra e  pelo Clube Desportivo da Marinha de Guerra, com um ponto cada.