Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Kilamba acolhe supertaças

Melo Clemente - 15 de Outubro, 2015

Inscrições para o curso de treinadores de basquetebol encerraram no dia 20 de Outubro

Fotografia: Santos Pedro

A nova época desportiva nacional da "bola ao cesto" abre a 10 de Novembro próximo, com a disputa das supertaças, em ambas as classes, provas a serem disputadas no Multiusos do Kilamba (Pavilhão Arena do Kilamba), infra-estrutura construída no âmbito da realização no país da 41ª edição do Campeonato do Mundo de hóquei em patins, em 2013.Em masculinos, estarão em confronto directo as formações do Atlético Petróleos de Luanda, campeão nacional em título e vencedor da Taça de Angola, e Recreativo do Libolo, finalista derrotado da taça. O embate está marcado para o dia 10 de Novembro, a partir das 19h00, um dia antes do país assinalar os 40 anos de Independência Nacional.

Já em femininos, partida marcada para as 17h00, no mesmo recinto, o Grupo Desportivo Interclube, agora sob batuta do técnico angolano, Manuel Sousa "Necas", antigo triplista da Selecção Nacional, mede forças com a formação do 1º de Agosto.As equipas que vão estar envolvidas nas referidas competições continuam a trabalhar de forma árdua, a fim começarem da melhor forma a época desportiva nacional.Os petrolíferos da capital que conseguiram manter o seu núcleo duro contam para a temporada 2015/2016 com o concurso do internacional angolano, Reggie Moore, extremo posto, atleta que não chegou a acordo com a direcção do Clube Central das Forças Armadas Angolanas (1º de Agosto) para a renovação do seu vínculo laboral.

O norte-americano naturalizado angolano, já tem trabalhado às ordens do técnico camaronês Lazare Adingono, que enalteceu as qualidades do extremo poste que tenciona ser campeão nacional pelo Atlético Petróleos de Luanda.Para além do internacional angolano, medalha de ouro nos XI Jogos Africanos de Brazzaville, os petrolíferos da capital asseguraram ainda os préstimos de Walter Tadeu, base que militava numa das universidades dos Estados Unidos da América.

Capacitação
FAB promove curso para treinadores


A Escola Nacional de Formação de Quadro da Federação Angolana de Basquetebol promove de 23 do mês em curso a 01 de Novembro próximo, na capital do país, Luanda, uma acção formativa para treinadores de nível II e candidatos do nível III, numa parceria com a escola Nacional de Basquetebol de Portugal.De acordo com um comunicado a que o Jornal dos Desportos teve acesso, proveniente do órgão reitor da modalidade no país, as inscrições dos candidatos para a referida acção formativa começaram no dia 05 e terminam no dia 20 do mês em curso, três dias antes do arranque do curso do nível II de treinadores da "bola ao cesto" e de treinadores candidatos ao curso do nível III.

Em declarações ontem, ao Jornal dos Desportos, o secretário-geral da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), Tony Sofrimento, assegurou que a acção formativa vai contar com prelectores angolanos e portugueses."De momento não lhe posso avançar os nomes dos prelectores que vão ministrar o curso mas, devo assegurar-lhe que teremos formadores angolanos e portugueses", garantiu o secretário-geral.Ainda de acordo com o comunicado, os candidatos ao curso de nível II de treinadores de basquetebol e de treinadores candidatos ao curso de nível III não devem possuir antecedentes criminais.

Os candidatos devem ter idade superior aos 18 anos, ter no mínimo de habilitações literárias a décima classe concluída, possuir o curso de nível I de treinadores para os candidatos ao nível II, possuir o curso de nível II de treinadores para os candidatos ao nível III.Os formandos devem apresentar a seguinte documentação: ficha de inscrição preenchida, certificação de habilitação original acompanhado de uma cópia, certificado original do curso do nível I e do nível II para os candidatos ao nível III de treinadores acompanhados das respectivas cópias, cópia do bilhete de identidade, registo criminal, aos treinadores e professores de educação física solicita-se uma declaração, duas fotografias tipo passe e o curriculam vitae desportivo.

A taxa de inscrição para os candidatos está fixada em 20.000.00 Kz (vinte mil kwanzas).A referida acção formativa terá a duração de um ano, divididos em três etapas. Após o encerramento das inscrições, a direcção da federação vai fazer uma filtragem de onde sairão 35 candidatos que vão frequentar o curso.A equipa do Eixo-viário tem aproveitado as partidas do campeonato provincial de Luanda para dar maior rodagem competitiva aos seus atletas, tendo em vista a disputa da XXII edição da Supertaça Wlademiro Romero.

Os libolenses também já abriram as oficinas, visando a nova época desportiva, onde a meta passa pela conquista de títulos, quer a nível doméstico, quer a nível continental.Entretanto, as duas competições estavam para ser disputadas no Pavilhão Osvaldo Serra Van-Dúnem, no Huambo, mas devido a indisponibilidade do referido recinto, a direcção da FAB viu-se forçada a transferi-los para a capital do país, Luanda.