Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Libolo cumpre calendário diante do Petro de Luanda

Melo Clemente - 20 de Maio, 2014

Recreativo do Libolo vai procurar esta noite conquistar mais uma vitória na recepção ao Petro de Luanda no pavilhão Dream Space

Fotografia: José Cola

Consumada  a conquista da 36ª edição do BAI Basket, a formação do Recreativo do Libolo, campeão nacional antecipado, recebe hoje a partir das 18h00, no Complexo do Dream Space em Viana, o Atlético Petróleos de Luanda, desafio que centraliza as atenções da segunda jornada da quarta volta, 11ª no geral, da "Final Four".

À duas jornadas para o termo da 36ª edição do Campeonato Nacional da "bola ao cesto", o representante da vila de Calulo continua com um percurso invejável na prova, o que lhe valeu  à conquista do ceptro, referente a época desportiva 2013/2014. Aliás, o técnico Norberto Alves manifestou  a intenção de terminar a prova com duas vitórias, apesar de reconhecer o potencial dos seus adversários nesta ponta final da competição.

Ontem, os pupilos de Norberto Alves ensaiaram a estratégia para suplantarem logo mais a equipa do Eixo-viário, conjunto que tem estado muito aquém do seu rendimento habitual. Com oito triunfos conquistados até aqui, contra apenas um desaire, a formação do Recreativo do Libolo apresenta-se à priori como favorita à conquista dos dois pontos em disputa.

Carlos Morais, Braúlio Morais, Eduardo Mingas, Olímpio Cipriano, Moses Sonko, Luís Costa e Eric Coleman vão mais uma vez procurar anular as principais unidades do Atlético Petróleos de Luanda. Apesar do mau momento que a equipa atravessa, o técnico ao serviço da formação tricolor, Lazare Adingono, acredita na vitória.

Uma eventual derrota dos petrolíferos da capital no desafio desta noite confirma em definitivo o segundo lugar para o seu arqui-rival 1º de Agosto.
O internacional angolano, Valdelício Joaquim, poste, dois metros e oito centímetros,  e o norte-americano, Roderick Nealy, têm estado em grande plano na "Final Four". Sábado, no arranque da quarta volta, o extremo norte-americano converteu 51 pontos, na vitória do Atlético Petróleos de Luanda sobre o Grupo Desportivo Interclube, por 92-80.

A 36ª edição do BAI Basket encerra esta quinta-feira, com a disputa de mais duas partidas referentes à série A. À entrada da segunda jornada da quarta volta, 11ª no geral, os libolenses estão no topo da tabela classificativa  agora com 19 pontos, seguido do 1º de Agosto com 16 pontos. Nas posições imediatas estão  Petro e Interclube, com 14 e dez pontos respectivamente.

Benguela acolhe a competição
Nacional feminino começa amanhã

A província de Benguela acolhe a partir de amanhã até ao dia 31 do mês em curso, XXIX edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores feminino, competição que vai contar com a participação de sete agremiações. Trata-se do Grupo Desportivo Interclube, actual campeã nacional, Clube Desportivo 1º de Agosto, Clube Desportivo O Maculusso, Universidade Lusíada, Sporting de Benguela, Sporting do Bié o e Misto da Huíla.

A formação da Lusíada que vai marcar a sua estreia numa competição do género, vai jogar  com o Misto da Huíla, a partir das 15h00. O Sporting de Benguela defronta a partir das 16h30  o 1º de Agosto, agora na versão  Jaime Covilhã, ao passo que no encerramento da jornada número um, o Grupo Desportivo O Maculusso vai ter pela frente o Grupo Desportivo Interclube.

A cidade de Benguela vai ser igualmente palco da disputa  XXIV edição da Taça de Angola, prova que vai contar com sete equipas. Segundo apuramos do comité organizador, as condições técnicas e administrativas estão asseguradas para o êxito da competição. Entretanto, as equipas já começaram a escalar aquela cidade desde as primeiras horas de ontem.

BAI Basket
Militares lutam
pelo segundo lugar


Gorada  a conquista do anel doméstico, o 1º de Agosto desloca-se hoje a partir das 18h00, ao Pavilhão 28 de Fevereiro, ao encontro do Interclube, com os olhos postos no segundo lugar da tabela classificativa do BAI Basket. Os militares  viram o sonho da revalidação do ceptro esfumado, em face da derrota sofrida no último sábado, frente ao Recreativo do Libolo, com quem perdeu por 77-78, vão procurar esta noite regressar às vitórias, diante de um adversário que já somou nove derrotas em dez partidas.

Apesar de ainda sentidos  da derrota do último fim-de-semana, os pupilos de Paulo Macedo estão dispostos a vergar mais uma vez a turma adstricta à Polícia Nacional. Por seu lado, Alberto Babo tenciona surpreender o  adversário em pleno Pavilhão 28 de Fevereiro, reduto onde a equipa caseira tem feito vida cara aos seus opositores.

De facto, esperava-se mais da formação do Grupo Desportivo Interclube, dada a prestação que teve durante a fase de grupos. Os polícias vão procurar dificultar ao máximo o Clube Central das Forças Armadas Angolanas, conjunto que arrecada 17 títulos nacionais, contra 11 dos petrolíferos da capital. Com a definição do título já resolvida, a favor do Libolo, as duas equipas procuram esta noite pela melhoria da sua prestação no campeonato nacional.
M.C

NBA
Pacers superam Miami Heat

Os Indiana Pacers superaram este domingo os Miami Heat no primeiro jogo da final do Este, ao vencerem por 107-96, numa partida em que dominaram do princípio ao fim, sem sequer estar atrás no marcador (o 0-0 inicial foi a única igualdade da partida).Paul George, com 24 pontos, foi o melhor elemento dos homens de Indiana,  seguido por David West (19) e Roy Hibbert (19).

Do lado contrário, LeBron James bem tentou, mas apenas fechou o jogo com 25 pontos (11 em 18 lançamentos), ao passo que Dwyane Wade foi o melhor pontuador, com 27. A segunda partida desta final do Este está marcada para a madrugada de amanhã, novamente em Indiana. Entretanto, Serge Ibaka vai falhar o resto do play-off da NBA.

O extremo dos Oklahoma City Thunder contraiu uma lesão nos gémeos da perna esquerda, na 6.ª partida da série contra os LA Clippers, e vai falhar a final do Oeste, contra os San Antonio Spurs - assim como uma eventual final da competição. O internacional espanhol realizou recentemente uma ressonância magnética que confirmou a gravidade da lesão. Ibaka vinha anotando médias de 12,2 pontos, 7,3 ressaltos e 2,23 desarmes de lançamento por jogo.