Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Libolo recebe equipa revelao

Melo Clemente - 25 de Março, 2016

Libolenses so favoritos conquista dos dois pontos

Fotografia: Santos Pedro

Duas partidas marcam hoje, sexta-feira, o arranque da fase de grupos da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, vulgo BIC Basket, cumprida que foi a pausa para a disputa dos quartos-de-final da Taça de Angola. Apenas o Grupo A entra em cena, ao passo que o Grupo B faz disputar a primeira jornada amanhã, sábado.

A formação do Recreativo do Libolo, segundo classificado da fase regular do BIC Basket, com 34 pontos, recebe hoje no Pavilhão do Dream Space, a partir das 18h00, o Clube Desportivo Marinha de Guerra, quinto classificado, com 27 pontos, ao passo que o Atlético Sport Aviação (ASA) enfrenta o campeão da fase regular, 1º de Agosto, com 35 pontos, partida marcada para o Pavilhão Anexo número dois da Cidadela, a partir da 16h00 (ver peça a parte).

Entretanto, o vencedor da fase regular da 38ª edição do Campeonato Nacional, no caso o 1º de Agosto, beneficiou de ponto de bonificação.
Depois de ter conseguido o apuramento às meias-finais da 32ª edição da segunda maior competição do país (Taça de Angola), o representante da vila de Calulo vai seguramente em busca da primeira vitória na fase de grupos.

A jogar em casa e com o plantel recheado de estrelas, com destaque a recair para os internacionais angolanos, Carlos Morais, Olímpio Cipriano, ambos extremos bases, Eduardo Mingas, Valdelício Joaquim, postes, Milton Barros, base, Braúlio Morais, base, Roberto Fortes, extremo base, para além do base norte-americano, Jonathan, o Recreativo do Libolo é sem margens de dúvidas o principal favorito à conquista dos dois pontos em disputa.

Apesar da superioridade, sobretudo em termos de valores individuais, Norberto Alves, técnico português ao serviço dos libolenses, alertou a sua rapaziada para entrarem bastante determinada no desafio de mais logo.

"Temos de estar concentrados do primeiro ao último minuto. A minha rapaziada vai procurar dar o melhor de si, como de resto, tem acontecido em todas as partidas no sentido de sairmos vitoriosos, sabendo das eventuais dificuldades que possamos encontrar", disse Norberto Alves.

Por seu turno, Paulo Macedo, técnico principal da formação do Clube Desportivo da Marinha de Guerra, promete neste segundo turno da competição uma equipa cada vez mais aguerrida, apesar de reconhecer o valor dos seus adversários do Grupo A, designadamente, Recreativo do Libolo, 1º de Agosto, Atlético Petróleos de Luanda, Grupo Desportivo Interclube e Atlético Sport Aviação (ASA) respectivamente.

"Vamos continuar a fazer o nosso trabalho como de resto temos vindo a fazer. Com as chamadas equipas grandes temos que começar a evitar diferenças abismais", revelou o antigo seleccionador nacional. O base Carlos Cabral tem sido um dos atletas em grande destaque na presente época desportiva, por isso, pode hoje, assumir o jogo ofensivo da equipa satélite do Clube Central das Forças Armadas Angolanas.

A fase de grupos vai ser disputado no sistema de todos contra todos, passando para a fase seguinte os cinco primeiros classificado, ao passo que o último classificado do Grupo A junta-se ao Grupo B.


FRENTE AO ASA
Militares podem somar hoje três pontos


Com um ponto de bonificação, em virtude de ter conquistado o primeiro lugar da fase regular da 38ª edição do Campeonato Nacional (BIC Basket), a formação do 1º de Agosto poderá atingir hoje a cifra dos três pontos, em  caso de vitória logo a partir das 16h00, no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela, sobre o Atlético Sport Aviação (ASA), em partida referente a primeira jornada do Grupo da referida competição.

O poste Johne Pedro, atleta operado recentemente ao joelho esquerdo, constitui a grande baixa da equipa militar que este ano está fortemente apostado na conquista do título do BIC Basket, troféu que se encontra em posse do Atlético Petróleos de Luanda.Uma das grandes revelações da formação rubro e negra da presente temporada, Johne Pedro, vai ficar parado por um período de três a quatro semanas, segundo o site do clube.

Ricard Casas, espanhol ao serviço do 1º de Agosto, vai colmatar a ausência de Johne Pedro com Joaquim Gomes "Kikas", Felizardo Ambrósio "Miller", e Mutu Fonseca.

Consciente das dificuldades que vai encontrar no desafio desta tarde, onde vai encontrar uma equipa ousada, dirigida por Carlos Dinis, o técnico militar vai procurar montar uma equipa que seja capaz de desfazer a cortina defensiva da turma do aeroporto.

Entretanto, os pupilos de Carlos Dinis vão tentar dificultar ao máximo as pretensões dos militares, que são a partida, os principais favoritos à conquista dos dois pontos, a julgar pela qualidade do seu plantel.

Depois de ter ocupado o quarto lugar da fase regular da edição passada, os aviadores não foram para além da sexta posição na presente época desportiva.
Amanhã, a prova prossegue com a disputa de mais três partidas, sendo duas referente ao Grupo B e outra para o Grupo A.

O Atlético Petróleos de Luanda enfrenta o Grupo Desportivo Interclube, no Pavilhão Principal da Cidadela, a partir das 18h00, isto para o Grupo A, ao passo que para o Grupo B, o Clube Universidade Lusíada mede forças com Progresso Associação Sambizanga, desafio marcado para as 16h00, no Pavilhão 28 de Fevereiro, enquanto o Sporting de Benguela recebe o Futebol Clube Vila Clotilde, a partir das 18h00.
M.C