Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Libolo reforça comando

Melo Clemente - 22 de Novembro, 2013

FAB provocaram alterações na tabela classificativa do BAI Basket, reforçando a liderança do Recreativo do Libolo à entrada da terceira jornada.

Fotografia: Jornal dos Desportos

A comissão técnica da Federação Angolana de Basquetebol invalidou a vitória do Petro de Luanda sobre o arqui-rival 1º de Agosto, por 93-88, em partida referente à segunda jornada da 36ª edição do BAI Basket, em virtude da falta de comparência que lhe foi aplicada pelo conselho de disciplina da FAB, por má utilização do internacional angolano, Roberto Fortes.

Além da falta de comparência, os petrolíferos da capital vão pagar, ainda, uma multa de 15 mil kwanzas por cada atleta utilizado, 500 mil kwanzas por utilização de atletas com pedidos de transferência em curso e cem mil por inscrição irregular, de acordo com o comunicado da federação.

A formação do Atlético Sport Aviação (ASA), equipa que fez o pleno nas duas primeiras jornadas do BAI Basket, batendo na ronda inaugural o Progresso Associação do Sambizanga, por 80-68, e o Futebol Clube Vila Clotilde, na segunda jornada, por 57-52, foram-lhe averbadas duas faltas de comparências.

Em face disso, os aviadores vão pagar uma multa de 15 mil kwanzas por cada atleta utilizado nas duas partidas, um milhão de kwanzas por utilização de atletas com pedidos de transferência em curso nas duas partidas e cem mil kwanzas por inscrição irregular.

Na mesma condição está a formação do Progresso Associação do Sambizanga, equipa que disputa pela segunda vez consecutiva o BAI Basket. À equipa do Interclube, que baqueou na jornada inaugural do Campeonato Nacional, frente ao Libolo, por 63-70, tendo folgado na segunda jornada por imperativos de calendário, foi aplicada igualmente uma falta de comparência e a correspondente multa em dinheiro.

Os polícias vão pagar 15 mil kwanzas por cada atleta utilizada, 500 mil por utilização de jogadores com pedidos de transferência em curso, além de cem mil kwanzas por inscrição irregular.

ASA, Progresso e Interclube têm os seus jogadores mal inscritos. Ao abrigo do número dois do artigo 12º do Regulamento de Disciplina, o pagamento das multas deve ser efectuado na secretária da Federação Angolana de Basquetebol no prazo de oito dias úteis a contar da notificação da pena.


BAI Basket
Petro e Inter lutam pelos primeiros pontos


As formações do Petro de Luanda e do Interclube procuram esta noite, a partir das 19h00, no Pavilhão Principal da Cidadela Desportiva, os primeiros pontos desta edição do BAI Basket, quando se defrontarem para a terceira jornada da referida competição.

Ambas as equipas foram penalizadas por uma falta de comparência cada, nos jogos que efectuaram para o Campeonato Nacional de basquetebol em masculinos.

Com os planteis quase equiparados em termos de valores individuais, embora com o Petro de Luanda a sobressair, petrolíferos e polícias vão escaldar esta noite o pavilhão principal da Cidadela, que pode ter uma boa casa.

No último treino, Lazare Agdingono, comandante dos petrolíferos da capital, ensaiou de forma pormenorizada as variantes defensivas e ofensivas, a fim de neutralizar a equipa do Interclube, equipa treinada pelo português Alberto Babo.

Depois de consentir derrota, frente ao Recreativo do Libolo, o Interclube vai procurar surpreender a equipa do Eixo Viário esta noite. A partida pode ser decidida nos pormenores, dado o potencial das duas colectividades que já assumiram a luta pelo primeiro lugar nesta edição do ceptro nacional.

Nas outras partidas do dia, Recreativo do Libolo, vice-campeão nacional, e actual líder do BAI Basket, com quatro pontos, recebe às 16h00, no Pavilhão Principal, o Futebol Clube Vila Clotilde.

À mesma hora, no Pavilhão 28 de Fevereiro, a Lusíada vai medir forças com o Atlético Sport Aviação (ASA). 1º de Agosto e Progresso folgam por imperativo de calendário.  M.C


Decisão
Castigos provocam
alteração na tabela


A equipa do Recreativo do Libolo lidera de forma isolada a 36ª edição do Campeonato Nacional de Basquetebol masculino, com quatro pontos, à entrada da terceira jornada. As faltas de comparência aplicadas às equipas do Petro de Luanda, Atlético Sport Aviação (ASA), Progresso Associação do Sambizanga e Interclube pelo Conselho de Disciplina da FAB provocarem alterações na tabela classificativa do BAI Basket.

Os aviadores, que partilhavam o primeiro posto com o Libolo, ocupam agora o sétimo lugar, com zero pontos. O 1º de Agosto ocupa agora o segundo lugar (dois pontos), fruto da vitória na secretaria sobre o arqui-rival Petro de Luanda.

A modesta formação do Futebol Clube Vila Clotilde ocupa a terceira posição, igualmente com dois pontos. Os petrolíferos da capital ocupam o quarto posto, sem qualquer ponto, seguidos do Interclube, na quinta posição, com zero pontos. O Progresso está na sexta posição, também sem qualquer ponto.    M.C


NBA
Bosh faz de LeBron
no triunfo dos Heat


Os Miami Heat receberam e venceram os Atlanta Hawks por 104-88, numa partida disputada na madrugada de quarta-feira, o que permitiu aos actuais campeões aumentarem para quatro o número de triunfos consecutivos.

Com LeBron James (13 pontos, seis ressaltos e cinco assistências) a registar uma actuação mais discreta do que o habitual, foi Chris Bosh a assumir a batuta da equipa e a brilhar, com 19 pontos, cinco ressaltos, um roubo de bola e um desarme de lançamento.

Do lado dos Hawks, destaque para a prestação do suplente Mike Scott, que registou um duplo-duplo, com 15 pontos e dez ressaltos, ainda assim insuficientes para evitar a quinta derrota da sua equipa em 11 jogos.

A formação de Miami segue no segundo lugar da Conferência Este, com um registo de 72,7 por cento, que só é superado pelos Indiana Pacers (90 por cento).


NBA

Kobe Bryant recebe alta


Depois de sete mês afastado dos campos devido a lesão no tendão Aquiles, Kobe Bryant, estrela maior da NBA e dos LA Lakers, teve alta médica. Em comunicado, o clube californiano revelou que o base/extremo “não tem qualquer restrição” e está “totalmente recuperado para a prática do basquetebol”, mas não referiu uma data o regresso de Kobe.