Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Manu Ginóbili diz adeus no Rio

28 de Março, 2016

Manu Ginóbili diz adeus no Rio

Fotografia: AFP

A história desportiva de Manu Ginóbili com a selecção argentina vai terminar no Rio de Janeiro. O eterno camisa 5 da equipa platense confirmou ao técnico Sergio Hernandes que vai estar com o seu país nos Jogos Olímpicos de 2016 para fazer a despedida com a geração mais vitoriosa do desporto argentino (ouro nos Jogos Olímpicos de 2004, bronze em 2008, quarto lugar em 2012; em Mundiais, prata em 2002, quarto em 2006 e quinto em 2010).

Com a integração de Manu Ginóbili, a selecção da Argentina desembarca no Rio de Janeiro no máximo da sua força nos Jogos Olímpicos. Na equipa treinada por Sergio Hernandes constam também Pablo Prigioni, Andres Nocioni e Luis Scola. Todos com mais de 35 anos e com tantos títulos no currículo que não cabe citá-los.

Inserido no grupo B, a chamada de morte, a Argentina vai travar duelos com Brasil, Lituânia, Nigéria, Espanha e uma proveniente do torneio pré-olímpico mundial. O confronto com os donos de casa está aprazado para 13 de Agosto.

Manu Ginóbili é um dos maiores ícones da história do desporto argentino e a claque alvi-celeste vai animar-se com mais peso no Rio de Janeiro, o que vai reflectir-se na força do grupo em campo. Com a selecção argentina, Manu Ginóbili havia participado do último duelo nos Jogos Olímpicos de Londres'2012 na partida que definiu a medalha de bronze. A equipa sul-americana perdeu diante da Rússia por 77-81. O craque marcou nesse jogo 21 pontos.