Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Militares batem Polcias no Pavilho 28 de Fevereiro

Juscelino da Silva - 16 de Fevereiro, 2019

1 de Agosto soma a segunda derrota no campeonato

Fotografia: Paulo Mulaza

A equipa sénior masculina de basquetebol do Interclube encerrou ontem a terceira volta do Unitel Basket 2018-2019 com uma vitória diante do 1º de Agosto por 87-83.
 A partida ficou marcada pela grande exibição do extremo-base dos polícias, Egídio Ventura, que anotou 30 pontos. O Interclube vinha de resultados negativos na dupla jornada disputada na semana passada. Perdeu diante do Petro de Luanda e do Atlético Sport Aviação.
 Com as lições estudadas, Alberto de Carvalho Ginguba e pupilos entraram na partida com intuito de contrariar o favoritismo dos militares. A estratégia surtiu efeitos. Mudaram o rumo de acontecimentos.Paulo Macedo e a rapaziada dominaram o três primeiros quartos num desafio bastante electrificante do princípio ao fim. O pavilhão 28 de Fevereiro foi pequeno para albergar os adeptos.Os polícias encontraram um conjunto militar muito bem arrumado. O base Emmanuel Quezada foi o grande protagonista do ataque do 1º de Agosto.
A fúria militar não teve compensação no último quarto.
 Os militares enfrentaram um grupo de polícias mais bem organizado. Alberto de Carvalho efectuou várias mexidas e tirou do banco de suplentes reforços que responderam ao cinco ideal para estancar a hemorragia ofensiva dos militares. O extremo-base Egídio Ventura e o base principal Gerson Domingos assumiram as rédeas do jogo.Paulo Macedo viu um Interclube a transformar-se na quadra e a criar inúmeras dificuldades à turma militar.
 O timoneiro lançou os veteranos Emmanuel Quezada e Armando Costa para inverter o resultado. Os esforços empreendidos para potenciar o ataque dos militares eram inferior à defesa dos polícias.
A distância aumentou cada vez mais no resultado.Naquele momento, os comandados de Alberto de Carvalho Ginguba apostaram no contra-ataque rápido.
O base principal Gerson Domingos e Egídio Ventura faziam circular a bola e atacaram à cesta adversária com lançamentos à longa distância.
 O jogo exterior funcionou em pleno.Quando faltavam dois minutos para o final, o extremo dos militares, Islando Manuel, converteu um triplo que ascendeu às esperanças dos adeptos militares.
Foi sol de pouca duração. Gerson Domingos respondeu pela mesma moeda para o desalento do público militar.No final da partida, o resultado sorriu para os polícias. Com a derrota, o 1º de Agosto averbou a segunda derrota no campeonato e igualou o Petro de Luanda na classificação com 42 pontos.Noutras partidas, a Marinha de Guerra recebeu e venceu dificilmente o FC Vila Clotilde por 76-73. A Universidade Lusíada vergou a Academia Helmarc por 81-75.A quarta e última volta da fase regular começa a ser disputada no dia 1 de Março com o aliciante jogo entre o Petro de Luanda e 1º de Agosto.