Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Militares em busca do empate

Melo Clemente - 21 de Maio, 2015

Militares e libolenses lutam na segunda partida dos play - off das meias- finais.

Fotografia: Jornal de Desportos

Em desvantagem nos play-off da meia-final da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, a formação do 1º de Agosto, recebe hoje, a  partir das 19h00 no Pavilhão Victorino Cunha, o Recreativo do Libolo, para a segunda partida dos play-off, a melhor de cinco partidas.

Refeitos do desaire da última terça-feira, em que perderam por escassos dois pontos (84-86), os militares estão "obrigados" a vencer esta noite, os actuais campeões nacionais, sob pena de verem alargada a vantagem do grémio de Calulo.

Ontem, Paulo Macedo, técnico principal da equipa militar, trabalhou os aspectos onde a  colectividade falhou na primeira partida, com realce para os lançamentos à longa distância, em que esteve praticamente irreconhecível, ao converter  três triplos dos 28 tentados.

A circulação de bola em todas as áreas de jogo, bloqueios ofensivos e defensivos bem como os lançamentos livres voltaram a merecer atenção especial da dupla técnica Paulo Macedo e Walter Costa.

Tal como aconteceu no desafio de terça-feira, hoje, o equilíbrio deve voltar a prevalecer na partida, a julgar pela qualidade de jogadores dos dois planteis, que constituem a espinha dorsal da Selecção Nacional.

Uma eventual derrota da equipa caseira, pode comprometer as aspirações da equipa rubro  e negra que lutam pelo passe da final, já que as próximas duas partidas acontecem no reduto do  opositor, mais concretamente no Pavilhão do Dream Space, em Viana. Daí que, Paulo Macedo vai montar uma equipa que seja capaz de neutralizar o pendor ofensivo dos Libolenses e consequentemente, partir para o terceiro confronto em “igualdade” em termos de vitória, uma para cada. O poste Felizardo Ambrósio, que esteve abaixo do seu rendimento na terça-feira, deve dar  em princípio o seu lugar a Reggie Moore  no “cinco” inicial, onde devem constar Edson Ndoniema, Joaquim Gomes “Kikas”, Hermenegildo Santos e Edmir Lucas.

Entretanto, o Recreativo do Libolo vai entrar, certamente mais motivado, dada a vitória de terça-feira, arrancada a ferros.
Eduardo Mingas, Olímpio Cipriano, Carlos Morais e Valdelício Joaquim continuam a  ser os principais esteios da formação da vila de Calulo, que persegue o seu terceiro título nacional , depois de conquistar as edições de 2011 e  2014. Apesar da vitória, Norberto Alves, técnico principal do Libolo quer uma equipa concentrada do primeiro ao último minuto, à semelhança do que aconteceu no desafio de terça-feira.
Os adeptos militares vão  lotar novamente o Pavilhão Victorino Cunha, a fim de empurrar a  equipa para a primeira vitória nos play -off das meias-finais da 37ª edição do BIC Basket.