Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Militares preparam visita ao Dream Space

Melo Clemente - 04 de Maio, 2016

Clube Central das Forças Armadas Angolanas consentiu a primeira derrota na fase de Qualificação do Campeonato Nacional sénior masculino diante do Petro de Luanda

Fotografia: Jornal dos Desportos

Refeito do desaire do último sábado, frente ao arqui-rival, Atlético Petróleos de Luanda, com quem perdeu por 87-94, a formação do 1º de Agosto prepara com todos os cuidados a sua deslocação ao Pavilhão do Dream Space, em Viana, para defrontar na sexta-feira, dia 6 do mês em curso, o Recreativo do Libolo, em partida a contar para a terceira jornada da fase de Qualificação da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, vulgo BIC Basket.

Mohamed Malick Cissé, extremo, e Johne Pedro, poste, continuam a ser as principais  baixas do conjunto militar nesta fase intermédia da competição, cujo termo está previsto para o dia 10.

Os atletas acima referenciados continuam sob cuidados médicos, sendo que Mohamed Malick Cissé deve ser o primeiro a começar  com os trabalhos de bola, segundo apurou o Jornal dos Desportos,  junto do departamento médico do Clube Central das Forças Armadas Angolanas.

Hoje, Ricard Casas, técnico principal da equipa militar realiza mais uma sessão de treinos, no Pavilhão Victorino Cunha, local onde estão a ser ensaiadas  todas as estratégias para o prélio desta sexta-feira.

Apesar das limitações do seu plantel, o técnico espanhol ao serviço da equipa rubro - negra não esconde o desejo de vencer o Recreativo do Libolo, em pleno Pavilhão do Dream Space, conjunto que venceu a fase de grupos.

"Nós temos necessariamente de nos apresentar melhor na próxima partida, apesar de reconhecermos o valor do nosso adversário que vai utilizar todos os argumentos para nos vencer em casa. Todavia, continuamos a trabalhar a fim de realizarmos uma boa partida", prognosticou Ricard Casas, depois da derrota de sábado  frente ao rival, Atlético Petróleos de Luanda.

As transições rápidas defesa ataque, circulação da bola em todas as áreas de jogo , sem descurar os aspectos técnicos e tácticos têm dominado as sessões de treino do 1º de Agosto.

A ronda três da fase de Qualificação da 38ª edição do BIC Basket reserva ainda a partida que opõe o Atlético Petróleos de Luanda, líder incontestável do Grupo A, com quatro pontos, ao Atlético Sport Aviação (ASA).

Quanto à formação do  Grupo Desportivo Interclube,  folga por imperativo de calendário. O Grupo B  vai igualmente fazer disputar duas partidas. O Clube Desportivo da Marinha de Guerra defronta o Sporting de Benguela, ao passo que o Clube Desportivo Universidade Lusíada vai medir forças com o Futebol Clube Vila Clotilde.

Atlético Petróleos de Luanda lidera o Grupo A, com quatro pontos, seguido pelo Recreativo do Libolo e 1º de Agosto, ambos com três pontos. Os libolenses têm um jogo a menos.
Entretanto, ao contrário do que inicialmente estava previsto, a fase de Qualificação da edição 38 do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino (BIC Basket) encerra a 10 do mês em curso. O fecho desta fase estava inicialmente previsto para o dia 13.

A fase de Qualificação está a ser disputada no sistema  todos contra todos, passando para as meias-finais as quatro primeiras classificadas do Grupo A. A última classificada do Grupo A juntar-se às cinco equipas do Grupo B para disputa das classificativas do quinto ao décimo posto.

A antecipação da quinta e última vai obrigar as equipas técnicas reformularem os respectivos programas de preparação, dado que entram numa maratona de jogos.
A direcção técnica mexeu no calendário para permitir que a Selecção Nacional efectue a sua preparação com vista à disputa do torneio pré-olímpico de Belgrado, prova selectiva aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro,  sem grandes sobressaltos.