Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Norberto Alves quer mais atitude

Melo Clemente - 07 de Abril, 2016

Técnico reconhece as dificuldades que vai encontrar no jogo da segunda mão

Fotografia: kindala Manuel

O técnico principal do Recreativo do Libolo, Norberto Alves, alertou sobre a necessidade da sua colectividade manter os níveis de concentração, tendo em vista as últimas partidas referentes a época desportiva 2015/2016.O técnico português teceu estas declarações à comunicação social, na última terça-feira, quando a sua equipa derrotou no Pavilhão do Dream Space, em Viana, a formação do 1º de Agosto, por 101-94, em partida referente a primeira mão das meias-finais da 32ª edição da Taça de Angola de basquetebol em seniores masculino.

Apesar do triunfo sobre o Clube Central das Forças Armadas Angolanas, Norberto Alves mostrou-se desapontado com a actuação dos seus pupilos na ponta final do quarto derradeiro, em que permitiram a redução da vantagem de 12 para apenas sete pontos."Não fomos suficientemente inteligentes para dilatarmos a vantagem confortável que tínhamos conseguido no placard, facto que ia nos ajudar a abordar melhor a partida da segunda mão das meias-finais da taça", lamentou Norberto Alves.

Feliz com o triunfo, por sinal a primeira da época sobre a equipa militar, mas, aborrecido com a exibição da sua rapaziada, Norberto Alves quer mais atitude para os próximos jogos."É importante mantermos os índices de concentração em todas as partidas que vamos disputar até ao termo da época desportiva. Uma equipa de alta competição como a nossa não pode cometer erros desta natureza. Os meus jogadores têm que saber quando e como correr, e neste aspecto não fomos inteligentes. Por isso, vamos trabalhar este aspecto para que nos próximos jogos não se repitam erros desta natureza", asseverou o técnico luso.

Entretanto, o Recreativo do Libolo volta a trabalhar hoje, no Dream Space, na projecção ao jogo de resposta marcado para a próxima terça-feira, dia 12 de Abril, no Pavilhão Victorino Cunha.Transições rápidas defesa ataque, circulação da bola em todas as áreas de jogo, sem descurar os aspectos técnicos e tácticos têm merecido a atenção espacial do técnico Norberto Alves que reconheceu que apesar da vitória, por 101-94, a eliminatória está em aberto.

"Acredito que a eliminatória está em aberto, pelo que, as duas equipas terão que dar o melhor de si, a fim de alcançar um dos passes de acesso à final da 32ª edição da Taça de Angola de basquetebol em seniores masculino", disse.O extremo base, Roderick Nealy, e os internacionais angolanos, Carlos Morais e Olímpio Cipriano brilharam na partida da primeira mão, ao marcarem 33, 24 e 14 pontos respectivamente. O Recreativo do Libolo foi letal nos lançamentos a longa distância, com Carlos Morais, Roderick Nealy, Janathan Wallace, Olímpio Cipriano, Carlos Morais, Roberto Fortes e Milton Barros.
Os libolenses são os detentores do ceptro.