Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Petro assume segundo lugar

Melo Clemente - 09 de Abril, 2015

Base Paulo Santana não tem sido opção do técnico Lazare Adingono na presente época desportiva onde ja parderam a Taça de Angola

Fotografia: Domingos Cadência

A formação do Atlético Petróleos de Luanda assumiu o segundo lugar do Grupo A da 37ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculinos (BIC Basket), com seis pontos, após derrotar terça-feira última o Sporting de Benguela, por 81-99, em partida de acerto de calendário da referida competição. Depois de ter sido afastado da Taça de Angola, onde sucumbiu nas meias-finais, frente ao arqui-rival, 1º de Agosto, averbando duas derrotas (99-71 e 106-93), a equipa do Eixo-viário tem agora as atenções viradas para o BIC Basket.

Com o técnico Lazare Adingono a cumprir o seu último ano de contrato, os petrolíferos da capital foram a Benguela e vergaram os verdes e brancos (81-99), mantendo deste modo o ciclo de triunfos na fase de grupos da 37ª edição do BIC Basket, tal como o Clube Central das Forças Armadas Angolanas, que lidera a competição com sete pontos.

As equipas do 1º de Agosto e Atlético Petróleos de Luanda continuam invictas na fase de grupos. Em três partidas realizadas até aqui no Grupo A, militares e petrolíferos somam três vitórias cada. O Clube Central das Forças Armadas Angolanas lidera a tabela classificativa com sete pontos, contra seis do arqui-rival, Atlético Petróleos de Luanda, na segunda posição. A equipa rubra e negra beneficiou de um ponto de bonificação, em virtude de ter sido vencedora da fase regular do BIC Basket.

As emoções do Campeonato Nacional regressam amanhã, com o aliciante Recreativo do Libolo e 1º de Agosto, partida marcada para as 18h00, no Pavilhão Dream Space, em Viana, em partida referente à quarta e penúltima jornada do Grupo A.A partida está a ser aguardada com grande expectativa pelos amantes da modalidade, já que os libolenses ainda não conseguirevencer os militares na presente época desportiva.

Ainda amanhã, para o Grupo A, os petrolíferos da capital recebem no Pavilhão Principal da Cidadela, o Grupo Desportivo Interclube, a partir das 18h00, ao passo que o Atlético Sport Aviação (ASA) tem a visita do Sporting de Benguela, no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela, a partir das 18h00. No Grupo B, a Universidade Lusíada defronta a partir das 16h00, no Pavilhão Anexo da Cidadela, a Marinha de Guerra.
A fase de grupos está a ser disputada no sistema de todos contra todos a uma volta.

Provincial feminino
Militares e polícias procuram passe da final


As equipas seniores femininas do 1º de Agosto e Grupo Desportivo Interclube procuram esta noite o passe de acesso à final do Campeonato Provincial de basquetebol de Luanda, quando defrontarem a partir das 19h00, a Universidade Lusíada e o Grupo Desportivo O Maculusso, respectivamente.A formação do 1º de Agosto recebe a partir das 19h00, no Pavilhão Victorino Cunha, a Universidade Lusíada, ao passo que o Grupo Desportivo Interclube tem a visita do Grupo Desportivo O Maculusso, no Pavilhão 28 de Fevereiro.

Depois de terem ocupado os dois primeiros lugares da fase regular da competição, ambas com 22 pontos, militares e polícias são claramente apontados como principais candidatos à passagem para a grande final, que vai ser disputada no sistema de play-off à melhor de cinco partidas.O factor casa vai seguramente pesar no desfecho das duas partidas. A jogar em casa e diante do seu público, as comandadas de Jaime Covilhã vão procurar neutralizar as acções ofensivas da formação da Universidade Lusíada, de Alexandre Neto, que vai tentar dificultar ao máximo as pretensões da equipa rubra e negra.

O mesmo se pode dizer do Grupo Desportivo Interclube, liderado pelo moçambicano Nasir Salé, que enfrenta no seu reduto o Grupo Desportivo O Maculusso, de Januário dos Santos. O equilíbrio pode dominar algumas etapas do desafio desta noite. As equipas vencedoras disputam a final do Campeonato Provincial de basquetebol de Luanda que vai ser jogada no sistema de play-off, à melhor de cinco partidas, ao passo que as vencidas disputam o terceiro lugar, igualmente à melhor de cinco jogos. A fase regular do Campeonato Provincial de basquetebol de Luanda foi disputado no sistema de todos contra todos a quatro voltas.


GRUPO A                         J         V        D         PM-PS            Pts

1º 1º de Agosto              03      03        0       254-220            07

2º Petro                         03      03        0       288-256            06

3º Libolo                        03      02       01      271-260             05

4º  Interclube                 03      01       02      238-244             04

5º ASA                          03       00       03      246-271             03

6º Sporting                    03       00       03      228-274             03


GRUPO B                     J          V        D            PM-PS              Pts

1º Progresso               02         02        0           154-126               04

2º Lusíada                   02         01        01         145-157               04

3º Marinha                  02          01        01         142-140               03

4º Vila                        02           00         02        143-161               02

NBA/Cuba
Ticha Penicheiro
integra comitiva


Ticha Penicheiro, a melhor basquetebolista portuguesa de todos os tempos e uma das figuras históricas da Liga Norte-americana feminina (WNBA), vai integrar uma comitiva de estrelas norte-americanas que organiza uma série de “clínicas” em Cuba.A iniciativa, gerida pela Liga Norte-americana, que revelou segunda-feira os pormenores do Basquetebol Sem Fronteiras, integra um alargado programa de intercâmbios desportivos depois de Estados Unidos e Cuba terem reatado relações diplomáticas e leva até Havana antigas estrelas do basquetebol norte-americano e actuais treinadores da NBA.

Nesta “clínica” onde participa Ticha Penicheiro, entre 23 e 26 de Abril, estão com a portuguesa duas antigas figuras da NBA, o canadiano Steve Nash, que se retirou recentemente, e o congolês Dikembe Mutombo, escolhido segunda-feira para o 'Hall of Fame' da era moderna do basquetebol.

Com estes três ex-jogadores estão também em Cuba os treinadores Quin Snyder, dos Utah Jazz, e James Borrego, dos Orlando Magic.
Ticha Penicheiro, que se reformou em 2012, um ano depois de ter sido eleita pelos adeptos uma das melhores 15 jogadoras de sempre da WNBA, jogou 12 épocas no principal campeonato mundial de basquetebol feminino.

Membro desde 2014 do Virginia Sports Hall of Fame, um dos maiores museus de desporto dos Estados Unidos, continua a liderar as estatísticas da WNBA no total de assistências (1.121) e a deter o recorde de maior número de roubos de bola num só jogo (10).
Em 2015, foi uma das grandes responsáveis pela conquista do primeiro título de sempre das Sacramento Monarchs, equipa que representou entre 1998 e 2009.

Na WNBA, Ticha Penicheiro, nascida na Figueira da Foz, vestiu ainda as camisolas das Los Angeles Sparks e Chicago Sky, clube pelo qual disputou poucos jogos devido a uma série de lesões, que precipitaram o abandono no final da época de 2012.Em Dezembro, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ordenou a normalização das relações diplomáticas com Cuba. No âmbito desta reaproximação, algumas das principais ligas dos Estados Unidos começaram a planear e programar jogos de pré-temporada naquela ilha das Caraíbas.