Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Petro e Interclube preparam Torneio "Inter-Cidades"

Juscelino da Silva - 18 de Novembro, 2019

Fotografia: Paulo Mulaza| edies novembro

Depois de participarem na décima primeira edição do torneio Vitorino Cunha, prova ganha pelo 1ºde Agosto, as equipas seniores masculinas de basquetebol do Petro de Luanda e Interclube, começam a partir de hoje a preparar a terceira edição do torneio internacional Inter-Cidades agendado para de 24 de Novembro a 1 de Dezembro em Maputo, Moçambique.
As duas formações vão trabalhar com esmero e afinco, de formas a realizarem uma boa prova no país irmão do Índico. Os petrolíferos voltam hoje à quadra do pavilhão Arena do Kilamba, casa emprestada, uma vez que os campeões nacionais aguardam há mais de duas semanas pela troca da tabela que foi partida no pavilhão principal da Cidadela.
A equipa médica do Petro de Luanda, trabalha arduamente na recuperação do base Gerson Gonçalves \"Lukeny\", o extremo base Olímpio Cipriano e o poste Jone Pedro todos a conta com lesões. Os três jogadores desfalcaram a turma do \"Eixo-viário\" nos jogos do provincial e voltaram a fazê-lo no torneio Vitorino Cunha. Os petrolíferos vão ao encalço do seu primeiro troféu do Torneio Internacional Inter-Cidades 2019.
O Interclube, por seu lado, campeão em título do torneio Inter-Cidades, agora sob batuta de Raul Duarte, vai começar a projectar a prova no seu quartel-general pavilhão 28 de Fevereiro.  No treino de hoje marcado para às 11h00, o timoneiro já vai poder contar com o extremo poste Regi Moore que desfalcou a equipa no torneio Vitorino Cunha por ter extraído um dente. O timoneiro dos polícias vai trabalhar hoje  no sistema bi-diário, de formas a aprimorar ao detalhe os mecanismos e estratégias a utilizar no torneio.
Lançamentos livres, de dois e três pontos, circulação de bola, bloqueio, passe, defesa à zona e homem a homem a toda dimensão da quadra, circulação da bola perto dos 24 segundos de ataque, ataque de cinco contra cinco e contra-ataque em superioridade numérica, são alguns dos aspectos técnicos e tácticos que irão dominar o primeiro dia de trabalho.
A prova estava agendada para o passado dia 4 do corrente, mais por falta de pagamento do principal patrocinador que iria pagar os Hotéis que iriam acomodar as equipas bem como os jornalista, forçou a organização do torneio a adiar a prova para o dia 24 do corrente.
O Interclube é o detentor do título, enquanto o 1ºde Agosto venceu a primeira edição em 2018. A competição visa  saudar o aniversário da cidade de Maputo que assinalou-se no passado dia 4 de Novembro.