Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Petro vence e joga decisão

Melo Clemente - 19 de Dezembro, 2015

Os petrolíferos da capital entraram melhor na partida

Fotografia: Jornal dos Desportos

A inspiração do internacional angolano, Leonel Paulo, extremo poste, 1,97 centímetros, 29 anos de idade,  foi suficiente para a formação do Atlético Petróleos de Luanda alcançar a tão almejada desforra, ao derrotar ontem, no Pavilhão Multiusos do Kilamba, o arqui-rival, 1 de Agosto, por 63-74, em partida referente à segunda meia-final da XXX edição da taça dos Clubes Campeões Africanos de basquetebol em seniores masculino.

Os petrolíferos da capital entraram melhor na partida, ao contrário da formação militar, que se mostrou bastante nervosa, principalmente, nos primeiros seis minutos do quarto inicial em que tinha anotado apenas quatro pontos, contra dez do seu do seu arqui-rival.

Liderado pelo extremo poste Leonel Paulo, que a dois minutos do termo do primeiro período contava já com 12 pontos, o Atlético Petróleos de Luanda saiu a vencer por 16-11.

Com Emanuel Quezada a sofrer uma forte marcação, o jogo ofensivo dos petrolíferos da capital ficou extremamente afectado mais, ainda assim, os pupilos de técnico Lazare Adingono foram para o intervalo maior com uma vantagem de quatro pontos (33-29).

A equipa do eixo-vário entrou melhor no terceiro quarto, à semelhança do primeiro período, fazendo 4-0, quando restavam sete minutos e 44 segundos para o termo da partida.

Rapidamente, a formação militar recuperar e passou a comandar o placar, tendo conseguido um vantagem de 11 pontos (62-51).

Quando tudo parecia que estava tudo resolvido eis que os petrolíferos da capital anularam a vantagem da equipa militar e a 28 segundos do termo da partida vencia já por 69-63, para o desalento da claque militar que já festejava a qualificação para a final.

O jovem Gerson Gonçalves, medalha de ouro nos XI Jogos Africanos de Brazzaville, em 2015, foi o principal responsável  da recuperação da formação petrolífera.

Leonel Paulo, com 21 pontos marcados, foi o cestinha da partida, seguido pelo seu companheiro de equipa, Gerson Gonçalves, com 12 pontos. Felizardo Ambrósio "Miller", destacou-se no 1º de Agosto, com 12 pontos marcados, em 26 minutos.

Nos lançamentos à longa distância, a equipa do Petro conseguiu 47 por cento, contra 24 por cento da equipa  militar. Nos dois pontos supremacia militar que teve 53 por cento, contra 42 por cento do arqui-rival.