Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Russell Westbrook ultrapassa Magic na lista de triplos duplos

28 de Outubro, 2019

O poste de 21 anos pediu desculpas e alegou que desconhecia o que estava a tomar.

Fotografia: Dr

O base Russell Westbrook somou no sábado o 139.º ‘triplo duplo’ da carreira na Liga norte-americana de basquetebol (NBA), superando ‘Magic’ Johnson no segundo lugar do ranking, e foi decisivo no primeiro triunfo da época dos Houston Rockets.
Westbrook, que contabiliza mais um triplo duplo do que Magic, 32 face a Jason Kidd e 58 em relação a LeBron James, perdendo apenas para Oscar Robertson, que conseguiu 181, contabilizou 28 pontos, 13 assistências e 10 ressaltos na recepção aos New Orleans Pelicans, num triunfo por 126-123.
“Eu sei que, hoje em dia, conseguir um triplo duplo já parece normal, mas, para mim, é um grande feito, especialmente porque cresci a pensar que não teria capacidade para jogar na NBA. Agora, estou nos livros da história e isso deixa-me muito orgulhoso”, disse o basquetebolista de 30 anos de idade.
O ex-jogador dos Oklahoma City Thunder foi também determinante pelos dois lances livres que marcou a 6,1 segundos do fim, para dar uma vantagem de três pontos aos Rockets, que contaram ainda com 29 pontos de James Harden.
Nos Pelicans, destaque para os 35 pontos de Brandon Ingram e os 23 de Josh Hart, que falhou, sobre a ‘buzina’, o ‘triplo’ que teria forçado o prolongamento.
Nos outros encontros da ronda, destaque para os 39 pontos, nove assistências e sete ressaltos de Trae Young, no triunfo caseiro dos Atlanta Hawks face aos Orlando Magic (103-99), e os 32 pontos de Kemba Walker, na vitória dos Boston Celtics no reduto dos New York Knicks (118-95).
Por seu lado, o grego Giannis Antetokounmpo conseguiu 29 pontos, 17 ressaltos e nove assistências na recepção aos Miami Heat e ao esloveno Goran Dragic (25 pontos), mas saiu com seis faltas e os Milwaukee Bucks perderam por 131-126, após prolongamento.

DEANDRE AYTON
ESTÁ SUSPENSO

Deandre Ayton foi suspenso por 25 jogos, depois de acusar positivo num controlo antidoping. O jogador dos Phoenix Suns acusou o uso de diuréticos, um medicamento que aumenta o volume de urina e que normalmente é utilizado no desporto para camuflar o uso de outras substâncias. O poste de 21 anos pediu desculpas e alegou que desconhecia o que estava a tomar.