Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Tcnico espanhol salva poca e garante continuidade

Melo Clemente - 09 de Junho, 2016

Ricard Casas conseguiu gerir melhor o seu plantel na ponta final do campeonato

Fotografia: kindala Manuel

O técnico principal da formação do 1º de Agosto, Ricard Casas, assegurou a sua continuidade a frente do comando técnico do clube rubro e negro, depois de ter conquistado terça-feira última, no Pavilhão Victorino Cunha,  o título da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, vulgo BIC Basket, salvando deste modo, a época desportiva 2015/2016.

Depois de um início de época desastrosa, onde perdeu a maior parte dos troféus, com realce para a Taça dos Clubes Campeões Africanos da “bola ao cesto” e a Taça de Angola, o técnico espanhol viu a sua continuidade assegurada com a conquista do anel nacional, acabando com o jejum de dois anos.

Contratado pela direcção do Clube Central das Forças Armadas Angolanas, encabeçada por Carlos Hendrick, para resgatar a mística perdida do grémio, Ricard Casas sentiu imensas dificuldades para conduzir  a formação militar.

O quarto lugar alcançado na fase de qualificação, onde foi inclusive superado pelo Grupo Desportivo Interclube, atesta perfeitamente o quão foi difícil o técnico espanhol utilizar as “pedras preciosas” que tinha a sua disposição desde o início da época desportiva 2015/2016.

Apesar das ondas de lesão que afectaram o grupo (ver peça a parte), com realce para Johne Pedro e Mohamed Malick Cissé, dois jovens que estavam a se destacar no plantel da formação rubro e negra, o conjunto militar apareceu completamente transfigurada na etapa crucial do BIC Basket, fruto da excelente gestão que o técnico espanhol efectuou no seu plantel.