Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Utah Jazz somam a terceira vitria

22 de Abril, 2019

Jogando em casa diante da fantica claque de Salt Lake City

Fotografia: AFP

O Utah Jazz teve a chance que queria ontem à noite. Jogando em casa diante da fanática claque de Salt Lake City, os comandados de Quin Snyder conseguiram tirar James Harden, o actual MVP, da zona de conforto. 

Fizeram o Barba errar os 15 primeiros arremessos do jogo, recorde negativo da história dos play-offs (nunca um atleta havia errado tanto desde o início de uma partida), mas não conseguiram traduzir a boa marcação no camisa 13 em triunfo. 

Mesmo muito mal, Harden não parou de arremessar e no último período anotou 14 de seus 22 pontos (3/5 nos arremessos nos 12 minutos finais e 3/20 no total – 14/16 nos lances-livres) liderando o Houston Rockets a fundamental vitória por 104-101. 

No final, um ressalto ofensivo do útil PJ Tucket ajudou a equipe texana a sacramentar o resultado. Com o resultado, os Rockets agora têm 3-0 e estão a um passo da semifinal do Oeste com extrema facilidade. Do outro lado, o jovem Donovan Mitchell teve 34 pontos, mas arremessando muito mal (9/27).Vale lembrar que NUNCA na história da NBA uma equipa saiu de 0-3 para virar um confronto nos play-offs da liga. E não é o que parece que vá acontecer com o Utah Jazz agora. 

O Houston espera reeditar na semi do Oeste o aguardado duelo contra o Golden State, reeditando a espectacular final de conferência que foi a sete jogos em 2018 (os Warriors venceram por 4-3). A equipa do Oakland tem 2-1 contra o Los Angeles Clippers e joga hoje às 16h30 em LA para abrir 3-1.