Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Basquetebol

Cedrick Isom veste de Polcia

Juscelino da Silva - 05 de Abril, 2021

O extremo-base norte-americano Cedrick Isom

Fotografia: DR

O extremo-base norte-americano Cedrick Isom, 1,88 metros, 36 anos, pode estar a caminho do Rocha Pinto para reforçar o plantel do Interclube, às ordens do treinador Raul Duarte, depois de manifestar a vontade de voltar a jogar no campeonato nacional sénior masculino de basquetebol. A informação é de uma fonte próxima ao atleta.
Em declarações ao Jornal dos Desportos, o norte-americano assegurou: \"Já apresentei o meu pedido de voltar a jogar em Angola, onde fui bem recebido e fiz muitos amigos. Gostaria de voltar a representar uma das três maiores equipas do campeonato local e, nesse momento, aguardo pela resposta\".

Depois de terminar o vínculo contratual com ... do Abu Dhabi, Isom contactou as direcções do Interclube, 1º de Agosto e Petro de Luanda. A de Alexandre Canelas está fortemente engajada em assinar o contrato para atacar o Unitel Basket 2021 e a Taça de Angola. O director para o basquetebol do Interclube, Vladimir Pontes, confirmou a existência do pedido.

\"Houve sim contacto com Cedrick Isom, mas não há nada de concreto. Estamos a trabalhar no processo. Nessa fase de pandemia, interessa-nos ter um atleta que já actuou no nosso campeonato, de forma que a adaptação seja rápida\", assegurou.
Em 2011, Cedrick foi campeão com o Petro de Luanda, clube responsável pela sua vinda ao país. Garantiu que o APR Basquetebol de Rwanda, equipa que representou antes de rumar para Abu Dhabi, pode solicitar os seus préstimos para actuar na disputa da Ball League, em Maio. Contudo, a preferência recai para o campeonato angolano.
Nascido em Newton, Texas, o extremo-base formou-se no East Texas Baptist e jogou na Islândia e Rwanda antes de se mudar para Angola a serviço do Petro de Luanda e do 1º de Agosto. Tecnicamente é bem dotado e com grande percentagem na linha de dois e três pontos.