Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Basquetebol

Jos Carlos e Jean-Jacques agradecem homenagem Lusa

Melo Clemente - 06 de Abril, 2010

Jos Carlos Guimares e Jean Jacques da Conceio, foram homenageados

Fotografia: Jornal dos Desportos

Os ex-internacionais angolanos José Carlos Guimarães e Jean Jacques da Conceição, que domingo último foram homenageados no Pavilhão Principal da Cidade Desportiva, em Luanda, pela Federação Portuguesa de Basquetebol pelo contributo prestados ao basquetebol daquele país, enalteceram a iniciativa do órgão que tutela a modalidade em terras lusas.

José Carlos Guimarães, antigo base extremo da Selecção Nacional, agora nas vestes de técnico principal da formação do Promade Misto de Cabinda, afirmou que a homenagem de que foram alvos domingo, à margem da disputa da primeira edição da Supertaça Compal, vencida pelo Sport Lisboa e Benfica, é mais do que merecida por tudo o que fizeram, quer no país quer no estrangeiro, particularmente em Portugal.

"É uma homenagem merecida por tudo aquilo que nós fizemos. Por outro lado, é uma homenagem feita por pessoas que não têm fraca memória. Esta homenagem, para mim, é extremamente importante, porque não só reconheceram aquilo que fizemos enquanto jogadores, mas também o exemplo que somos enquanto cidadãos.

Eu, particularmente, estou feliz porque esta homenagem é feita por pessoas que vieram do estrangeiro realizar um acto no país que me viu a nascer e num campo onde comecei a jogar basquetebol, por isso, agradeço do fundo do meu coração à Federação Portuguesa de Basquetebol, ao Sport Lisboa e Benfica e ao Ovarense".

Indagado se, de alguma forma, ficou surpreendido com a iniciativa da Federação lusa, ao seu jeito, José Carlos Guimarães afirmou: "Sabe que o tempo é o nosso melhor advogado e hoje (domingo) os portugueses deram um exemplo de reconhecimento daqueles que honestamente têm feito bom trabalho".

Enquanto militou no basquetebol português, José Carlos Guimarães, atleta que jogou em quase todas as posições, conquistou sete campeonatos nacionais, três Taças de Portugal, duas pelo Sport Lisboa e Benfica e uma pelo Futebol Clube do Porto, além de duas Supertaças e duas Taças da Liga.

Jean Jacques da Conceição, outro galardoado da noite, lamentou o facto de o reconhecimento ter vindo do estrangeiro, mas enalteceu a iniciativa da Federação Portuguesa de Basquetebol."Penso que esta homenagem é o reconhecimento de tudo o que fizemos em Portugal enquanto atletas profissionais. Sinceramente, gostaria que este reconhecimento fosse dos angolanos, mas foram os portugueses que tiveram a iniciativa, por isso, estou muito feliz e só tenho de agradecer à Federação Portuguesa de Basquetebol e ao Sport Lisboa e Benfica".

O actual vice-presidente da Federação Angolana de Basquetebol conquistou 10 campeonato nacionais, sendo sete pelo Sport Lisboa e Benfica e três pela Portugal Telecom, sete Taças de Portugal, cinco pelo Benfica e duas Portugal Telecom, cinco Supertaças, quatro ao serviço do Benfica e um pela Portugal Telecom, seis Taças da Liga, todas ao serviço do Benfica.

Lutonda continua em grande

O base da equipa sénior masculina de basquetebol do 1º de Agosto, Miguel Lutonda, foi eleito domingo MVP da primeira edição da Super Taça Compal, que terminou domingo, em Luanda, com a consagração do Sport Lisboa e Benfica.Capitão da formação do 1º de Agosto, Miguel Lutonda foi o atleta que mais se destacou pela sua equipa, sobretudo nas duas partidas em que a formação militar venceu o Petro de Luanda e o Ovarense, tendo perdido na final diante do Benfica por 64-57.

O experiente base mostrou mais uma vez nestes três dias de competição que, apesar de estar já com trinta e oito anos de idade, atravessa um bom momento de forma.As quatro equipas participantes foram contempladas, além das medalhas e troféus, com um valor monetário em euros.A próxima edição da Super Taça Compal disputa-se em Portugal.

 NBA-Knicks batem LA Clippers
e quebram jejum de 12 anos


Os New York Knicks venceram por 113-107 os Los Angeles Clippers, pela temporada regular da NBA. A partida foi disputada domingo no Staples Center, na Califórnia, e serviu para quebrar um jejum de 12 anos da franquia de Nova Iorque. A vitória permitiu aos Knicks romperem uma sequência de quatro derrotas consecutivas. A franquia também não ganhava dos Clippers fora de casa desde o dia 25 de Março de 1998.

O poste David Lee marcou 29 pontos e consegiu 10 ressaltos.O extremo base Baron Davis igualou o feito do colega, com 23 pontos e 11 assistências. Ambas equipas já entraram em quadra sem chances de avançar aos play-off da NBA.O Orlando Magic venceu por 107-92 os Memphis Grizzlies pela temporada regular da NBA. Domingo, o destaque da franquia da Flórida, que actuou em casa, foi o extremo Vince Carter, autor de 26 pontos.

A vitória do Magic, a 54ª em todo o campeonato, deixa a equipa a apenas um resultado positivo de conseguir o título da Divisão Sudeste pela terceira vez seguida e de confirmar com a segunda melhor marca da Conferência Leste. Em crise, os Grizzlies, que somam 39 vitórias e 37 derrotas nesta edição da liga, perderam pela sexta vez nos últimos 10 jogos.

Longe de casa, o Memphis foi comandado pelo extremo Zach Randolph, que anotou 24 pontos e 18 ressaltos.No outro jogo da noite de domingo, o extremo Kevin Durant conseguiu 40 pontos  para levar o Oklahoma City Thunder a uma vitória por 116-108 sobre o Minnesota Timberwolves.

 Bryant renova com Lakers

Os LA Lakers anunciaram um acordo para a renovação de contrato de três anos com Kobe Bryant. O montante do contrato não foi revelado. "Estamos muito felizes por termos chegado a um acordo com ele", garantiu Mitch Kupchak, director da equipa californiana.
Esta renovação era um dos objectivos de Kupchak. "Dois dos nossos maiores objectivos nesta temporada eram renovar com o Kobe Bryant e com o Pau Gasol", garantiu. Em Dezembro último, os Lakers tinham já chegado a acordo com Gasol, num contrato que vai custar perto de 65 milhões de dólares, no total.

De referir que Bryant, quatro vezes campeão da NBA, tem uma média impressionante de 27,2 pontos, 5,3 ressaltos e 5,1 assistências esta temporada.Don Nelson é o mais vitorioso de sempre. Com o triunfo dos seus Golden State Warriors frente aos Toronto Raptors (113-112), Don Nelson tornou-se o técnico mais vitorioso da história da NBA, igualando Lenny Wilkens no topo com 1.332 triunfos.

A cumprir a sua 31ª época como técnico na NBA, onde orientou quatro equipas diferentes (Milwaukee Bucks, NY Knicks e Dallas Mavericks) Nelson festejou o feito com uma vitória apertada. "Vivemos para desfrutar estes momentos.  Que jogo para igualar o recorde", afirmou o veterano treinador, que percorreu o banco de suplentes de uma ponta à outra durante o encontro, como é seu apanágio.