Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

"ASA espera melhores dias"

Augusto Fernandes - 08 de Agosto, 2013

Gancia, a vida futebolística começou por volta dos 10 anos de idade

Fotografia: M.Machangongo

Com 1,80m de altura, Domingos Zaya Nunes, ou simplesmente Gancia, como é conhecido no Mundo do futebol é um guarda-redes com grande margem de progressão. Forte no jogo aéreo, tem grande visão de jogo e oferece muita confiança ao sector defensivo da equipa. Tem como fonte de inspiração Iker Casilias. De entre outros é contemporâneo de Kibeixa, Mendonça II, Benzema, Djemba, Papel, Pirolito e Nany.

Para Gancia, a vida futebolística começou por volta dos 10 anos de idade no bairro da Mabor no campo das malhas em companhia de Kibeixa, Djemba, Charle, Mendonça II e muitos outros. Por intermédio de Natali, que era o  olheiro para o futebol jovem, a nossa estrela foi para os Juvenis do Kabuscorp do Palanca que na altura era orientado tecnicamente por Roy e  Movi.

“ Quando cheguei encontrei o Gibabé, Caporal, Maria Pia, Djimy além do Kibeixa, Charle e Benzema que vieram comigo do bairro. Depois apareceu o Nany e outros excelentes jogadores, formámos uma equipa muito forte” diz Gancia. Nos juvenis jogou apenas uma época em 2006/2007. Na altura, de acordo com o nosso entrevistado as equipas mais fortes eram o 1º de Agosto, Petro de Luanda e o Noberto de Castro que tinham jogadores de grande valia técnica.

Gancia diz que “ só não atingimos a fase nacional porque a Escola Norberto de Castro impediu-nos de sair em segundo lugar ao impor-nos um rigoroso empate a zero.” Em 2009, passou para os juniores treinado pelo mister Baba e com ele a maior parte dos jogadores dos juvenis onde já se encontravam o Zigó, Nilton, e outros. “ Por causa da minha estatura passei a fazer dupla categoria, alternava com os seniores mas jogava com os juniores.” Salientou Gancia.

Em 2010, ainda com idade de júniores, fez parte do leque dos quatro guarda-redes à disposição do Kabuscorp para o Girabola de entre eles, o Lókwa, Afó e o Zamba. No fim da época a direcção contratou mais três guarda- redes experientes, o Hugo, Abula e o Rubia. “ Com os três substitutos foi difícil impor-me”.
No meio de grandes guarda-redes o rapaz teve poucas possibilidades de jogar a titular com excepção do torneio realizado no Sumbe em que participaram o Libolo, o 1º de Agosto, os juniores do Sporting de Portugal e o Kabuscorp.

Durante o torneio foi convocado no jogo contra o Libolo que resultou num empate e em outra ocasião na derrota frente aos militares e num jogo contra a Libolo para a taça de Angola foi suplente não utilizado. No Kabuscorp, Gancia teve o privilégio de ser companheiro de jogadores como Doutor Lami, Daniel Mpele Mpelé, Agugu, Milex e outros.


MUDANÇA PARA O ASA
Posto na equipa do aeroporto diz ter sido muito bem recebido. Quando lá chegou foi entregue aos cuidados do técnico Minhonha que era o treinador dos juniores pois ainda tinha idade de juniores.
No ASA diz Gancia” encontrei uma verdadeira família. Todos desde o treinador aos atletas incluindo o próprio treinador dos seniores José Dinis, puxavam por mim e encorajavam-me. Nos juniores joguei com o Zequinha, Magnusson, Nelson, Nilton, Zola e muitos outros. Éramos a melhor equipa do provincial de Luanda e ganhámos de forma convincente todos os jogos do Provincial e sagramo-nos campeões provinciais.”

No campeonato Nacional realizado em Benguela, voltou a fazer uma grande campanha bateu todas as equipas perdeu apenas na final contra os Bravos do Maquis aos penaltis. “ No fim do jogo, os Maquisardes não acreditavam que tinham ganho e vieram apertar-nos a mão em sinal de respeito e alegria por terem visto que fomos a melhor equipa do torneio” afirmou Gancia.

PRIMEIRA
INTERNACIONALIZAÇÃO

Em 2012 surgiu a sua primeira convocatória para representar a selecção de sub-20 de que  faziam parte  jogadores como Neblú, Papel, Pirolito, Quibabo, Benzema, Filipe e Natael, treinados por André Nzuzi e Miller Gomes. Gancia diz  “ fizemos muito boa figura. Batemos o Zimbabwe em Harare por 0-1 e voltámos a ganhar por falta de comparência no jogo da segunda mão.”

No segundo jogo contra o Egipto, no Cairo perderam por 2-1 e no jogo da segunda mão em Luanda, empataram a zero por isso sido eliminados do CAN da categoria que se disputou no mesmo ano. De regresso ao Girabola fez dois jogos, contra o Santos e o Libolo. Este ano é o seu segundo ano nos seniores e continua como o segundo guarda-redes.


PERGUNTAS E RESPOSTAS

Jornal dos Desportos: Em Setembro do ano em curso a Selecção Nacional de Hóquei em Patins vai disputar o Mundial da modalidade. O que esperas do “cinco” angolano?

Gancia: A nossa selecção tem potencial para fazer um bom mundial e se forem humildes, trabalhar à serio e se houver bons incentivos, os rapazes podem surpreender o mundo.

A Selecção Nacional de básquetebol está noutra frente na Costa do Marfim. Desta vez o ouro vem para Angola?

A única coisa que eu peço aos meus colegas é que olhem para a bandeira que representam. São milhões de pessoas há mais de 20 anos habituados a ganhar. Naturalmente que o Estado tem de fazer a sua parte.

O que tem a dizer sobre o mau momento do ASA?
Acho que estamos a ser vítimas de caprichos de alguns membros da grande família do ASA. Mas podes crer que esse momento vai ressurgir para bem do  nosso clube.

Acredita na permanência do ASA no Girabola?
Porque não. Só dependemos de nós mesmos. Ainda temos muitos pontos para discutir.


POR DENTRO
Nome completo: Domingos Zaya Nunes
Filiação: Garcia Nunes e de Juliana Samba
Naturalidade e data de nascimento: Luanda, 23.08.93
Estado civil: Solteiro
Filhos: Uma menina
Altura: 1,80m
Peso: 77kg
Calçado: 43
Tempos livres: Ler e estudar
Filme: Acção
Musica: Rap
Perfume: Givenchy
Prato preferido: Um bom Arroz com feijão
Bebida: Gasosa
O que mais teme na vida? Perder a vida eterna
Religião: Igreja The-Way
Homossexualismo: È totalmente diabólico
É ciumento? Sim
Recorre à Mentira? Desde que não seja maldosa…
Cidade: Namibe
Pais: Estados Unidos
Clube do coração: Aquele que paga os meus salários
Sonho: Ser bem sucedido na vida.