Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

Desporto e cultura de mos dadas na Taa de frica das Naes2010

Srgio V. Dias em Malanje - 27 de Outubro, 2009

desporto e a cultura esto de mos dadas

Fotografia: Jornal dos Desportos

O desporto e a cultura estão de mãos dadas na Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010, competição que o país vai albergar de 10 a 31 de Janeiro nas cidades de Luanda, Cabinda, Benguela e Huíla. Malanje junta a sua voz no maior evento desportivo africano. Para o efeito, na noite de última sexta-feira, a Esplanada Kimbo testemunhou a gala de eleição dos embaixadores da província na grande cimeira do futebol continental.
Mito Gaspar, uma das maiores referências da música nacional e local, a Banda Movimento e as Gingas do Maculusso figuram entre os embaixadores eleitos, numa gala marcada por forte emoção e organizada pelo Comité Organizador do Campeonato Africano das Nações (COCAN).
O evento, em Malanje, surge na sequência de um programa de marketing e publicidade da Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010 que está a se levar a cabo em várias províncias do país para permitir uma maior empatia com público local.
O programa tem ainda como objectivo publicitar a competição nas diferentes cidades do país que ficaram isentas da escolha para albergar a grande cimeira do futebol africano em 2010.
Apesar disso, Manuel Mariano, secretário executivo do COCAN, reafirma que as demais províncias de Angola associam-se à festa do futebol africano “através da música e do convívio para que todos se sintam participes activos desta competição em Janeiro de 2010”.
Manuel Mariano considera Malanje, “terra de muito boa gente e habitat ex-líbris da fauna angolana”. No entanto, reafirma que “o COCAN saúda a terra da Palanca Negra Gigante e do também do grandioso povo de Malanje que deu exemplos que dispensam comentários”.

HOSPITALIDADE

“Os malanjinos são bravos na defesa das suas conquistas, são hospitaleiros e acolhedores. Em 2010, o país vai receber muitas pessoas de diferentes partes do mundo, muitas delas conhecem Angola por intermédio das belezas que esta província tem e que desfilam em documentários, postais e revistas que circulam pelo mundo. Certamente, essas pessoas vão querer passar por aqui e ver as Pedras de Pungo-a-Ndongo, as Quedas de Kalandula e outras maravilhas que a natureza de Malanje oferece. Vamos fazer com que Malanje seja campeão da hospitalidade em 2010 para que essa áurea vencedora dos malanjinos possa influenciar e guindar os nossos Palancas Negras a um bom desempenho na competição”, disse o secretário executivo do COCAN durante a gala realizada na noite de sexta-feira, na Esplanada Kimbo.

Director da Cultura destaca
orgulho dos malanjinos

“Malanje hoje está com um motivo de grande alegria, porque acolhemos a Gala do Comité Organizador do Campeonato Africano das Nações (COCAN), um evento de promoção da grande festa do futebol continental que o país vai albergar em 2010”. Foi com esse discurso categórico que Jonas Zamba, director provincial da Cultura em Malanje, começou por se pronunciar na gala organizada pelo COCAN nesta província, na noite de última sexta-feira.
No acto em que marcaram presença o governador de Malanje, Boaventura da Silva Cardoso, vários membros do executivo local e figuras ligadas ao desporto, Jonas Zamba referiu que “Angola está de parabéns e que a província da Palanca Negra Gigante associa-se à grande festa do futebol africano”.
O número “um” da Cultura em Malanje manifestou o seu apreço aos embaixadores da Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010 na província e a todos os fazedores de cultura para que se associem à grande festa do futebol africano.
“O desporto e a cultura unem as nações. Angola tem hoje um motivo de grande alegria, porque a Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010 vai engrandecer cada vez mais a imagem do país, que marca passos (certos) rumo ao seu desenvolvimento. Com isso, Malanje há-de crescer também e a cultura local vai mostrar o quanto vale nessa Taça Africana das Nações; estejamos unidos em torno desse grande evento. Acreditamos que, com a realização da competição, Angola se tornará ainda mais conhecida a nível internacional. Com isso, teremos no nosso país maior abertura para investimentos a todos os níveis”.

Marketing e publicidade
marcam mais um passo

Manuel Mariano, secretário executivo do Comité Organizador do Campeonato Africano das Nações (COCAN), disse à imprensa que com a gala realizada em Malanje, “marca-se mais um passo na implementação do programa de marketing e publicidade” para a grande montra do futebol continental.
Ao se dirigir aos presentes na Gala do COCAN, o responsável exprimiu a sua satisfação pela promoção e divulgação da Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010 nas várias províncias de Angola.
“Em nome da Direcção Executiva do COCAN exprimo a nossa gratidão pela presença de todos nessa actividade que é mais um passo na implementação do programa de marketing e de publicidade para a Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010. O COCAN leva a várias províncias do país a festa do futebol africano através da música e do convívio para que todos nós possamos sentir-nos participes activos desta festa que o país vai albergar em 2010”.

COMPETIÇÃO EXEMPLAR

Manuel Mariano destacou ainda, durante a realização da Gala do COCAN, a necessidade de Angola realizar uma prova “exemplar”. “Temos a missão de realizar uma competição exemplar para o orgulho de todos nós. Concebemos o projecto “Embaixadores do COCAN 2010”, que já está em implementação e que hoje (sexta-feira última) vai mostrar alguns filhos desta terra que, certamente, vão constituir-se em importantes veículos de promoção e de divulgação das acções do COCAN e da Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010.
O secretário executivo do COCAN espera que o ano de 2010 traga proveitos para todos os angolanos e deixou escapar nas entrelinhas que “Angola é um país unido e movido pelo futebol”.

 "Show" do COCAN
satisfaz Governador

Boaventura da Silva Cardoso, Governador da Província de Malanje, expressou, em nome do seu executivo, a satisfação pela realização da Gala do Comité Organizador do Campeonato Africano das Nações nessa cidade.
“Em nome do Governo da Província de Malanje manifesto a grande satisfação por recebermos este Show do COCAN. Estamos muito agradecidos por esta iniciativa”, disse o chefe do executivo malanjino.
O número “um” do Governo de Malanje referiu ainda que o gesto do COCAN serve para demonstrar que a província “não foi esquecida”. “Apesar de não acolher nenhum dos jogos da fase final do CAN-2010, Malanje associa-se a esse grande evento que vai representar de forma extraordinária o nosso país, que pode provar muito bem o grau de maturidade dos dirigentes do país e muito, particularmente, de Sua Excelência, o Senhor Presidente da República, José Eduardo dos Santos”, assinala Boaventura Cardoso.
O governante realçou ainda que nesse grande evento que é a Taça Africana das Nações Orange – Angola’2010, assim como em muitos outros que se realizam pelo mundo, “divulgam-se os símbolos do país”. A título de exemplo apontou o caso da Palanca Negra Gigante, cujo santuário está na província de Malanje, adoptado como símbolo do COCAN. “Só isso é uma grande honra para todos os malanjinos e para todos os angolanos”, sublinha Boaventura da Silva Cardoso.

CAPITAL DO TURISMO

O governador de Malanje diz ainda que a província associa-se à grande festa do futebol africano, a iniciar já com este Show do COCAN, realizado na noite de sexta-feira última.
“Vamos organizar claques, creio que nos deslocaremos às cidades de Benguela e da Huíla. Vamos projectar os jogos da Taça Africana das Nações a nível de Malanje e, certamente, a província vai ser destino turístico dos participantes e dos visitantes que se deslocarem ao nosso país para esse grande evento. Temos dito e repetimos que a província capital do turismo é aqui, em Malanje. Queremos potenciar estas nossas potencialidades, queremos demonstrar aos nossos visitantes que é isso que vamos fazer e, finalmente, desejar que a Selecção Nacional tenha um bom desempenho e que orgulha a todos os angolanos”, concluiu Boaventura Cardoso.   

Os oito embaixadores
de Malanje

A realização da Gala do Comité Organizador do Campeonato Africano das Nações foi marcada pela eleição dos oito embaixadores da província de Malanje na grande cimeira do futebol continental. Trata-se de Damião Tchimbuta, Luzia Jacinto, Francisco Inock, Manuel Junqueira “Nelito Cambondão”, Jorge Sassassa, Mito Gaspar, As Gingas do Maculusso e a Banda Movimento.