Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

Domant FC cria condições

Augusto Panzo - 17 de Setembro, 2013

Em Cacuaco está a ser erguida infra-estrutura desportiva cujo início remonta de 2008 cuja primeira fase termina já no próximo ano

Fotografia: M. Machangomgo

Em Cacuaco na conhecida zona da conduta no bairro da Vidrul em Cacuaco está a ser erguida uma infra-estrutura desportiva, cujo início remonta de 2008. O Complexo Desportivo e Escolar do Domant FC, em construção é pertença de um clube do município de Bula Atumba, província do Bengo, mas radicado em Luanda devido a vários factores conjunturais do país.

O projecto compreende três fases, a primeira ocorreu em 2008, com a realização de trabalhos de aterro de uma área que na altura era uma lagoa, onde foi construído um campo de futebol de dimensões internacionalmente recomendadas, tem sido palco de diversas actividades ligadas à modalidade.

Neste momento está em curso a segunda etapa, que compreende a edificação do muro de vedação e uma loja de exposição de material desportivo, que encontra em fase conclusiva, a faltar apenas uma parte do trabalho de revestimento das paredes ou reboco.

O projecto está a ser erguido numa área de 21 mil metros quadrados, numa zona  que geralmente fica inundada em função das enchentes do rio Bengo, que passa a menos de três quilómetros do sítio. 

Nesta fase está também inclusa a construção de um edifício de três andares, onde vai funcionar a administração do clube, outro para aposentos para albergar as diversas equipas que o clube dispõe nas variadas modalidades a funcionarem naquele complexo e um hotel.

O início dessas edificações está previsto para o dia 16 de Outubro próximo, conforme Jorge Paulo director-geral do clube que prestou a informação ao Jornal dos Desportos. A construção de salas de aulas académicas e desportivas para a formação de todos os jogadores afectos ao clube, restaurante e outras zonas de lazer fazem parte dessa etapa da obra.

Não se sabe ao certo quando terminam essas obras, mas Jorge Paulo referiu que, pela rapidez com que estão a decorrer os trabalhos, perspectiva-se um prazo de sete meses para que tudo esteja pronto, o que equivale dizer que até Abril ou Maio de 2014, a empreitada esteja concluída.   

O projecto enquadra-se no programa de acção da direcção do Domant FC do Bengo, que está a preparar o regresso à alta competição futebolística do país, com a aposta na construção de infra-estruturas, como referiu o director do clube.

«O Domant FC não participa este ano nas provas sob a égide da FAF mais concretamente na Segundona, porque a direcção tem um projecto desde a criação, que passa pela construção de infra-estruturas próprias. Não queremos com isto dizer que caso subíssemos já para o Girabola, tínhamos de parar. Nada disso. Mas a verdade é que era necessários que tivéssemos as nossas infra-estruturas”, disse Jorge Paulo, director-geral do clube.
 
CLUBE MOVIMENTA
TRÊS DISCIPLINAS

O Domant FC do Bengo tem comol modalidade de eleição o futebol, com o qual começou a participar em vários torneios desde jogos de divertimento no bairro, torneios quadrangulares e competições oficiais como Girabairro/Taça do Presidente e Segundona.

Nesta última a equipa do Domant FC ficou conhecida a nível do país, depois do sucesso obtido nas três temporadas em que esteve envolvida, em representação da província do Bengo com maior realce para a temporada passada, em que chegou a sagrar-se vencedora da série A dessa prova.

Por várias contingências a equipa foi empurrada para a disputar uma liguilha, que perdeu a favor da equipa do 1º de Maio de Benguela e em consequência considerou campeão do grupo o Porcelana FC do Kwanza -Norte.

Com o propósito de se reorganizar a direcção suspendeu a equipa do escalão sénior de participar em competições oficiais este ano, mas o trabalho contínua com as equipas dos escalões de base, como iniciados, juvenis e juniores.

Em termos de variedade de modalidades apesar de não ser de forma oficial, o Domant FC movimenta também o basquetebol escolar e andebol, e tudo está a ser feito para que se inclua também em breve no currículo do clube, a disciplina de atletismo.


HISTORIAL
Clube fundado em 2004

O Domant FC foi fundado em 2004 pelo seu patrono Domingos António, com o fito de criar entretenimento para a juventude do bairro nos tempos livres, sobretudo nos finais de semana em que essa franja da sociedade mais se concentra, devido ao descanso depois de uma semana de trabalho.

A ideia foi bem aceite quer pelos adultos como pelos meninos, o que aumentou a ambição do mentor do projecto, tendo passado a cativar cada vez mais um número maior de apoiantes e jogadores. Daí surgiu o projecto de participar em actividades desportivas oficiais como o Girabairro/Taça do Presidente.  
 
O projecto ganhou cada vez mais consistência e em 2010 a direcção do Domant FC oficializou a equipa, tendo a inscrito na Associação Provincial de Futebol do Bengo (APFB) que por sua vez, fê-la junto da Federação Angolana de Futebol (FAF), como representante do Bengo no Zonal de Apuramento ao Girabola do ano seguinte.

Neste mesmo ano pelos resultados alcançados, acabou por classificar-se em segundo lugar apesar de novato o que deu direito a disputar a liguilha de apuramento par o Girabola daquele ano.

Na segunda participação que ocorreu em 2011 o Domant FC terminou em terceiro lugar, posição que rectificou na temporada seguinte, em 2012 em que terminou a competição em primeiro lugar do grupo A do Zonal de Apuramento, mas por razões alheias à sua vontade, a equipa foi afastado da liderança, e substituída pelo Porcelana FC do Kwanza- Norte.                           AP     


DIVERSIFICAÇÃO
Pavilhão multiusos


A construção de uma quadra multidisciplinar onde os vários pupilos podem aprender a prática de modalidades como basquetebol, andebol ou qualquer outra disciplina de quadra, faz parte do projecto do futuro Complexo Desportivo Domant.

A sua execução está agendada para a quarta fase do projecto, que segue a transformação do campo de futebol em estádio, tal como deu a conhecer Domingos António «Domant», na ânsia de trazer para o complexo uma variedade de pupilos de acordo com as habilidades.
Não foi revelada a capacidade da referida infra-estrutura, mas Domingos António garantiu que vai ser uma obra com todas as condições necessárias, para uma condigna acomodação dos espectadores.

HOTEL E LOJAS
FAZEM PARTE


Dentro da estratégia gizada pela direcção do Domant FC  o  Complexo Desportivo vai contar com um hotel de três estrelas,  com quatro pisos  isto é, um edifício de três andares  com o propósito de facilitar as equipas adversárias, turistas e outros interessados em visitar a referida infra-estrutura desportiva.

“Como foi dito, o nosso projecto contempla a construção de um edifício de três andares, que vai ser um hotel de três estrelas, com o propósito de facilitar o alojamento de delegações desportivas vindas de várias partes do país e não só, porque na minha óptica, ajuda muito às equipas adversárias na medida em que são acomodadas num local com tudo à volta nas proximidades”, revelou Domingos António “Domant”, presidente do clube.

Consta do mesmo esboço a construção de algumas lojas comerciais para venda de produtos diversos de maneira a evitar que os visitantes e hóspedes sejam obrigados a deslocarem-se fora do perímetro do complexo. AP


RANSFORMAÇÃO 
Campo do Kijila Maka passa a Estádio


O actual campo Kijila Maka vai transformar-se num estádio moderno à cargo da Dumant Construção Civil subsidiária do grupo Domant Comercial.
A construção corresponde às exigências da Federação Internacional de Futebol Amador (FIFA) trabalho agendado para a terceira etapa do projecto de acordo com Domingos António presidente do mesmo clube.

Nesta fase da obra os trabalhos começam com a destruição das actuais bancadas, a construção de novas num perímetro mais alargado, de maneiras a que se criem condições para o surgimento de uma pista e espaço para a circulação de viaturas dos serviços de apoio, tais como ambulâncias, carros de bombeiros e afins. O trabalho de aplicação no rectângulo de jogo da relva sintética, a elevação de um separador de rede metálica entre as bancadas e a zona dos bancos de suplentes, a construção do sistema de iluminação e fornecimento de água ao complexo são os planos de trabalho seguintes. 

Ainda de acordo com a informação de Jorge Paulo o Domant FC pretende regressar à alta competição em 2014, com surpresas como as infra-estruturas de maneira a ultrapassar alguns constrangimentos que enfrentaram durante as três épocas em que esteve a participar nas provas.

A infra-estrutura em causa surge no âmbito da reformulação do programa de acção do clube do Bula Atumba que tem como preocupação fundamental, antes do regresso à alta competição, a consolidação de um programa original que começa com a edificação de infra-estruturas próprias.