Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

FC Porto SAD com lucro de 6,1 milhões de euros

08 de Dezembro, 2011

No capítulo do passivo total verifica-se um aumento de 30,2 milhões de euros

Fotografia: AFP

A SAD do FC Porto apresenta um lucro de 6,1 milhões de euros no primeiro trimestre do exercício desta época desportiva, conforme comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).Para este resultado positivo contribuem os 40 milhões de euros da transferência de Falcão para o Atlético de Madrid, em Agosto passado. "Estas mais valias permitiram a obtenção de resultados positivos na ordem dos 6,1 milhões de euros", sustenta-se no relatório enviado à CMVM.Na temporada transacta, por esta altura, a SAD portista tinha divulgado 17,7 milhões de euros de lucro fruto das saídas de Bruno Alves e de Raul Meireles para o Zenit e para o Liverpool.

Nos dados enviados à CMVM a SAD realça os resultados operacionais de 7,9 milhões de euros, considerando que "assentam essencialmente nos resultados obtidos com as transacções de passes de jogadores". Evidencia ainda o reforço dos capitais próprios que estão agora no patamar dos 29,4 milhões de euros.O valor total dos activos da SAD também aumentou colocando-se nos 261,6 milhões de euros depois das contratações de Iturbe, Bracali, Djalma, Defour, Mangala, Kléber e Alex Sandro.No capítulo do passivo total verifica-se um aumento de 30,2 milhões de euros, mas "o passivo remunerado (empréstimos bancários e obrigacionistas) desceu 11,7 milhões de euros face a 30 de Junho", nota-se no documento endereçado à CMVM.

Portugal desperta para
o Soccer Invest Fund


Portugal despertou para o Soccer Invest Fund quando, em Agosto, se soube que este Fundo chegara a deter 37,5% do passe de João Moutinho, mas o nome do médio internacional português é apenas a ponta do icebergue de um investimento mais alargado e que chega já a cinco jogadores dos quadros da SAD azul e branca. O JOGO apurou que este Fundo português, associado à empresa MNF Gestão de Activos, pagou mais de 700 mil euros por 11% dos direitos económicos de Iturbe, 600 mil euros por 15% dos passes de Castro e Ukra (jogadores cedido a Sporting Gijón e Braga, respectivamente) e mais de 500 mil euros por 25% do passe de Fucile.

É um parceiro importante para o FC Porto, apesar de afastar a colagem a qualquer clube, por oposição ao Benfica Stars Fund e ao Sporting Portugal Fund, que operam especificamente junto dos grandes de Lisboa. Aliás, a empresa que gere o Soccer Invest Fund até tem como administrador um antigo membro da Assembleia-geral dos leões, João Lino de Castro, conforme se pode verificar no site da MNF e nas informações prestadas à CMVM. A necessidade de liquidez no futebol tem sustentado o regresso dos Fundos, sendo de notar que o FC Porto negociou também 30% do passe de Kléber e 10% dos passes de Defour e Mangala, ainda que não tenha discriminado quem passou a deter tais participações. Importante é também notar que a equipa londrina parece estar disposta em quebrar esse recorde, apesar de o argentino ainda só ter feito 1 jogo pelo FC Porto.

Arsenal pode oferecer
90 milhões por Götze


O Arsenal está pronto para fazer uma mega oferta de 30 milhões de euros por Mário Götze em Janeiro, informou o diário inglês "Daily Mirror".Os londrinos vêem o jovem alemão, de 19 anos, como principal prioridade e pretendem vencer a concorrência de outros gigantes europeus como o Real Madrid, Manchester United e Bayen de Munique. A equipa de Arsène Wenger nunca gastou mais de 20 milhões de euros numa contratação desde que o treinador francês entrou no clube há 15 anos, mas pelo jogador alemão,  a equipa londrina parece estar disposta em quebrar esse recorde.

Real Madrid
pretende Rooney


O atacante inglês seria um antigo desejo do presidente Florentino Pérez, que pode vender jogadores do elenco madrilenho para ter a quantia necessária para a oferta.O Presidente do Real Madrid deve ir atrás de seu grande sonho no mercado de transferências europeu, realizando uma oferta pelo atacante Wayne Rooney do Manchester United. As informações são do jornal espanhol Sport, que afirma que o mandatário merengue deverá fazer uma oferta de cerca de 70 milhões de euros para contar com o jogador dos Red Devils na próxima temporada.

Ainda de acordo com a publicação, a quantia milionária viria das vendas de dois jogadores do elenco de José Mourinho, o volante Khedira e o atacante Higuain.O primeiro poderia ir para o próprio Manchester United por cerca de 20 milhões de euros, enquanto o argentino teria o interesse do Chelsea e sairia pela quantia de 50 milhões de euros, completando a quantia necessária para o Real Madrid fazer sua oferta para ter Rooney.