Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

Federer o segundo mais rico atrs de Tiger Woods

24 de Julho, 2010

Tenista suo foi o que mais ganhou o ano passado.

Fotografia: AFP

Roger Federer, com um total de 47,8 milhões de euros, está emparelhado entre os golfistas Tiger Woods (70 milhões) e Phil Mickelson (47,6) no ranking dos desportistas que mais dinheiro ganharam na última temporada. O suíço é, no entanto, o atleta não norte-americano mais rico do planeta, superando um trio de futebolistas composto por Lionel Messi (34 milhões), David Beckham (31,3) e Cristiano Ronaldo (30,9). Ainda no âmbito do ténis, Rafael Nadal (21,2 milhões) é o segundo mais bem pago, uns bons lugares acima de Maria Sharapova (15,4), a melhor entre as mulheres. Estes valores reportam os ganhos oficiais, os contratos publicitários e os direitos de imagem, tendo sido tornados públicos através do levantamento efectuado pela “Sports Illustrated”.

Principais ligas europeias
estão à beira da falência

Os campeonatos de Itália, Espanha e Inglaterra não são economicamente sustentáveis, revela um relatório da consultadoria AT Kearney. De acordo com o relatório, antecipado pelo jornal “El Pais”, apenas duas das cinco competições analisadas apresentam uma rentabilidade económica positiva: o campeonato alemão e o francês, com 2% e 1%, respectivamente. Já em relação aos três campeonatos mencionados acima temos -12% na liga de Itália, -7% em Espanha e -5% em Inglaterra.

“Se as ligas italiana, espanhola e inglesa fossem empresas estariam falidas em menos de dois anos”, defende a AT Kearney. “Não é absurdo pensar que alguns clubes vão acabar a médio prazo”. Segundo a análise, os maus resultados económicos acontece devido ao balanço negativo das transferências de jogadores. A AT Kearney assegura ainda que nenhum investidor “economicamente racional” deve investir no negócio do futebol.

Sobre o campeonato alemão, a consultadoria refere que os clubes da Bundesliga apresentam bons rendimentos devido a dois factores:
1) souberam aproveitar os investimentos realizados nos estádios do Mundial 2006; 2) investem 100 milhões de euros na formação de novos talentos, reduzindo as despesas com contratações e salários.

Jorge Lorenzo lidera
nas casas de apostas

Numa altura em que a luta pelo título aumentava progressivamente de interesse, a grave lesão que afastou Valentino Rossi das pistas abriu a porta ao seu companheiro da equipa Yamaha, Jorge Lorenzo, que aproveitou a ausência do Doutor para ganhar vantagem na tabela de pilotos. Agora, apesar do regresso de Rossi, que ainda se encontra limitado pelas consequências da queda, Lorenzo pode tirar o melhor partido desta oportunidade e, de acordo com os especialistas das casas de apostas online, é mesmo o mais provável vencedor do Grande Prémio dos Estados Unidos da América, que tem lugar no próximo domingo.

Os especialistas atribuíram à vitória de Lorenzo uma cotação de apenas 2,40, mas o homem da Yamaha tem de ter cuidado com o vencedor da última prova, Daniel Pedrosa, cuja Honda parece estar, agora, mais competitiva. Notável foi o regresso de Rossi, cujo quarto lugar na última corrida abre boas perspectivas para os EUA: a vitória paga 4,00.

Chelsea oferece vinte milhões
de euros para levar Ramires

O Chelsea espera anunciar, nos próximos dias, a contratação de Ramires. Os londrinos acreditam que o Benfica vai aceitar a proposta de mais de 20 milhões de euros, que chegou, anteontem, a Lisboa. O Manchester City ainda se mantém interessado no médio brasileiro, mas sabe que, neste momento, está em desvantagem. O Benfica vai decidir, em breve, se aceita a oferta que recebeu para a venda de Ramires. Em Inglaterra, fonte do clube londrino revelou a “A BOLA” que a transferência está perto de ficar fechada.

Mas o Benfica ainda tem uma palavra a dizer, apesar de ter alienado 50 por cento dos direitos económicos do médio internacional brasileiro, a 20 de Junho, à empresa Jazzy Limited (indicada pelos representantes do jogador), por seis milhões de euros, como estava previsto desde que o jogador chegou à Luz. Ramires é considerado, em Londres, um jogador fundamental para o projecto de Carlo Ancelotti, no Chelsea.

O regresso de Deco ao Brasil, em princípio para o Fluminense, e as perdas já confirmadas de Michael Ballack (Leverkusen) e Juliano Belletti (Fluminense) abriram as portas de Stamford Bridge ao médio internacional brasileiro, que, mesmo de férias no seu país, foi informado, pelos seus empresários, do que se está a passar.

Crise financeira afasta
Maiorca da Europa

O Maiorca foi impedido pela UEFA de participar nas competições europeias desta temporada, devido aos graves problemas económicos pelos quais o clube atravessa. Apesar de ter ficado na época passada no quinto lugar da liga espanhola, o Maiorca não vai poder participar na Liga Europa informou na quinta-feira a UEFA. O clube recebeu hoje a notificação oficial da UEFA e prepara uma defesa. A equipa insular admite recorrer a todos os tribunais para defender o direito de disputar as competições europeias, algo que foi conquistado em campo.