Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Reportagens

O esquerdino que está na boca do mundo

12 de Dezembro, 2010

Gareth Bale, dá que falar na Europa

Fotografia: AFP

Gareth Bale é já um nome que não passa despercebido aos amantes do futebol. As suas arrancadas desenfreadas pela esquerda e o seu hat-trick diante do Inter são os cartões de visita de um dos mais pretendidos jogadores da actualidade. Em conversa com a "BBC Wales Sport", canal de televisão que o premiou como sendo a personalidade desportiva do ano, Bale comentou os primeiros passos que deu em White Hart Lane. "Ao olhar para trás e ao lembrar-me de certas coisas fico simplesmente espantado. Há um ano não imaginava que podia fazer as coisas que faço agora. Se me tivessem dito que podia ser um dos melhores jogadores da “Premier League” e um dos melhores esquerdinos do Mundo, nunca teria acreditado", explicou.

Apesar de ter passado alguns meses na sombra do que fazia Assou-Ekotto, Bale nunca sentiu o seu futuro ameaçado:
"Nunca achei que o meu futuro estivesse condenado. Quando não jogava, ia ter com o treinador e perguntava-lhe quando iria ter uma oportunidade. Havia algumas coisas que ele queria que fizesse e certas coisas a melhorar". Para Redknapp, Gareth Bale deixa imensos elogios, dando uma quota-parte de responsabilidade na sua evolução ao técnico. "Simplesmente queria ajudar tornar-me mais forte, pois naquela altura era um simples rapaz. Sempre me disse para ser paciente, manter-me a trabalhar com força e iria conseguir a minha oportunidade. Por isso estive sempre confiante, só tinha de estar totalmente preparado para quando a minha oportunidade chegasse", concluiu. Gareth Frank Bale (Cardiff, 16 de Julho de 1989) é um futebolista galês que joga como médio-esquerdo na formação do Tottenham Hotspur.

Início de carreira

Com 16 anos, Bale tornou-se no segundo jogador mais jovem da história a jogar pelo “Saints” (apenas atrás de Theo Walcott), quando se estreou a 17 de Abril de 2006. Jogou a partida em que o Southampton derrotou o Millwall por 2-0. Em Agosto de 2006, marcou o seu primeiro golo em jogo válido pela Liga Inglesa, ao bater uma falta que deu o empate (1 a 1) contra o Derby County. O placar final em Pride Park foi 2 - 2. Voltou a marcar um golo, desta vez no Estádio de St. Mary, contra o Coventry City no seu segundo jogo da temporada 2006-07, através de uma cobrança de falta.

No fim da sua primeira temporada como jogador profissional, foi nomeado como Jovem Jogador do Ano da Liga Inglesa. A sua última partida pelo Southampton aconteceu na segunda-mão das Eliminatórias da Segunda Divisão Inglesa, contra o Derby County, a 12 de Maio de 2007. Sofreu uma lesão no segundo tempo, o que o impediu de actuar no desafio seguinte. No total, fez 45 jogos pelo Southampton e marcou 5 golos.

Chegada à Selecção
do País de Gales


Bale foi convocado pela primeira vez para a Selecção Galesa no fim da temporada 2005-06, mas apenas se estreou em Maio de 2006, como substituto na vitória sobre Trinindad e Tobago, tornando-se o mais jovem jogador a actuar por aquela selecção, com apenas 16 anos. Em Outubro de 2006, tornou-se o jogador mais jovem do seu país a marcar um golo pela selecção. O jogo era válido para as Eliminatórias do Campeonato Europeu de 2008, fazendo o golo contra a Eslováquia. O segundo fê-lo diante San Marino, na vitória por 3 - 0, a 28 de Março de 2007. Brian Flynn, treinador da Selecção de Sub-21, comentou que Bale tem o potencial de uma futura estrela. O bom pé esquerdo e as suas cobranças de falta renderam-lhe comparações ao compatriota Ryan Giggs.

Pelo Tottenham Hotspur

Bale transferiu-se para o Tottenham Hotspur em Maio de 2007, com um contrato de quatro anos de duração. O clube pagou cinco milhões de libras, que, com as cláusulas adicionais, poderá ser elevado para 10 milhões. Estreou-se pelos “Spurs” num jogo amistoso contra o St. Patrick's Athletic, em Julho de 2007, sendo substituído aos 80 minutos depois de levar uma pancada. A sua primeira partida oficial aconteceu em Agosto do mesmo ano, contra o Manchester United, com um exibição impressionante. Na segunda partida pelo Tottenham marcou o seu primeiro golo com a camisola da equipa, no empate a três golos com o Fulham.

O segundo golo foi contra os rivais Arsenal. Bale saiu da equipa por causa de uma lesão nos ligamentos do joelho direito, o que o afastou dos relvados até o fim da temporada 2007/08, regressando na época seguinte. Em Agosto de 2008, assinou um novo contrato com os “Spurs”, com duração de quatro anos. Na presente temporada tem sido o principal jogador do Tottenham, com grandes actuações, principalmente nos jogos em casa e fora contra a poderosa Internazionale de Milão. Marcou 3 golos na derrota no primeiro jogo na Itália, que terminou 4x3, e no segundo não marcou mas deixou os brasileiros Maicon e Lúcio no bolso, com duas belas assistências. O jogo terminou 3x1 para os Spurs. Actualmente é considerado um dos melhores jogadores do mundo.

A caminho do Real Madrid

Persistem cada vez menos dúvidas sobre que posição será reforçada pelo Real Madrid na reabertura do mercado: um lateral esquerdo, um lugar que embora não tenha resultado em dores de cabeça para José Mourinho, parecerá após uma análise mais cuidada aos valores do plantel 'merengue' uma posição um pouco 'descalça', contando apenas com o brasileiro Marcelo. Por isso mesmo o Real coloca em cima da mesa as opções que mais vão seduzindo, tendo sido efectuada uma cuidada selecção do valor acrescentado que se pretende para o reforço da “canhota” defensiva. José Mourinho terá já comunicado a sua decisão, mostrando-se convencido com o valor do galês Gareth Bale, por quem os “merengues” deverão avançar com uma proposta na reabertura do mercado, em Janeiro.

O ofensivo lateral do Tottenham surge cada vez mais valorizado, como a mais competente alternativa para o Real Madrid, que não deverá esperar para apostar na contratação do atleta, que se tem revelado uma das figuras de maior destaque no Tottenham, mostrando-se um futebolista de categoria internacional, pronto para dar um salto para um emblema de ambições ilimitadas como sempre se contou o Real Madrid tanto em Espanha quanto em provas internacionais. O veloz esquerdino, que prima pelo extraordinário sentido táctico, podendo consistir opção para terrenos mais adiantados face à sua cultura ofensiva, é visto como peça chave no Tottenham, que se poderá mostrar renitente a libertar um futebolista fundamental para o futebol desenvolvido pelo clube inglês, que poderá sentir uma forte perda na próxima janela de contratações.

A valia do jovem futebolista de 21 anos é cada vez mais alvo de elogios por toda a Europa, que há muito constatou o futebol de fino recorte do esquerdino, que progrediu de forma verdadeiramente extraordinária em Londres desde a última temporada, chegando a um estatuto sólido no mercado, passando numa temporada de uma promessa de futuro nos “spurs” a valor firmado no futebol internacional, constituindo garantidamente o principal objectivo do imponente clube “blanco”, que entrará em contactos com o um outro emblema que veste de branco, os Spurs de White Hart Lane. Depois de ver gorada a opção Aleksandar Kolarov no início da época, o Real conhece a urgência de acrescentar ao plantel um valor de indiscutível qualidade para ombrear com Marcelo pela titularidade, podendo o brasileiro ver-se ameaçado por um atleta de características semelhantes às que apresenta, um concorrente de efectivo pendor ofensivo, não parecendo sequer o facto de o galês ter prolongado a sua ligação ao Tottenham impedimento para a realização do negócio. Já no Verão a transferência de Bale para Madrid se colocou. Agora tudo parece estar conjugado para que Mourinho venha a ver os seus desejos realizados, vendo o seu tão ansiado esquerdino reforçar o seu plantel.

Gareth Bale

Informações pessoais
Nome completo 
Gareth Frank Bale
Data de nascimento 
16 de Julho de 1989 (21 anos)

Local Cardiff, Reino Unido

Altura :1,83 metro
Esquerdo
Apelido Chipanzé
Informações profissionais
Clube actual
Tottenham
Hotspur
Número 3
Posição Lateral-esquerdo
e médio
Clubes de juventude
Southampton
Clubes profissionais
Southampton
Tottenham Hotspur

Atleta quer ser como Cristiano Ronaldo

Gareth Bale é lateral, mas faz um «hat-tricks» e, a partir dai, o seu objectivo é chegar ao nível do craque português Cristiano Ronaldo.
Desde os três golos apontados ao Inter, em Milão, na última jornada da Liga dos Campeões, que Bale é cobiçado por vários colossos europeus. Os adversários pensam em formas de travar o ímpeto ofensivo do lateral dos “spurs”, mas este garante que estuda novas formas para os enganar. «Tenho que adaptar o meu jogo conforme o tempo passa. As outras equipas vão, obviamente, tentar travar-me e tenho de pensar em novas formas de passar pelos adversários», disse acrescentando: «Penso que as outras equipas tentam parar todos os jogadores de topo, como o Cristiano Ronaldo, mas ele ainda encontra formas de os enganar.» «Tenho de continuar a aprender nos treinos, nos jogos e tentar novas ideias. Espero melhorar como jogador», garante.