Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Fora de Campo

Confusão no Carnaval

17 de Fevereiro, 2015

Anos depois, disse estar arrependido pela sua imaturidade nos tempos de Fiorentina.

Fotografia: AFP

O Carnaval de 1999 deve ter um lugar especial (mas não saudoso) na memória de Edmundo e da claque da Fiorentina. O ex-atacante arrumou uma grande confusão com a sua equipa na época, com direito a discussão à distância com jogadores, ameaças de ambos os lados e até um protesto dos adeptos italianos. Na segunda época com a Fiorentina, Edmundo pediu e recebeu autorização para curtir o Carnaval no Rio de Janeiro.

Tudo certo, não fosse pelo clima difícil que vivia no elenco naquela época. Em Fevereiro, embarcou para o Brasil e desfalcou a equipa diante da Udinese, no domingo de Carnaval. Derrota por 1 a 0. O Animal não estava na Itália, mas no sambódromo a desfilar pela Salgueiro. Dias antes, apareceu a jogar futevoleibol na praia de Ipanema. O cenário revoltou os jogadores da Fiorentina, que acusaram Edmundo de falta de profissionalismo.

Para piorar, a media italiana publicou que o atacante havia chamado Batistuta de perdedor e Rui Costa de invejoso. O português respondeu, dizendo que estava a lutar pelo clube enquanto o brasileiro se preocupava em festejar e ofender. Anos depois,  disse estar arrependido pela sua imaturidade nos tempos de Fiorentina.