Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Fora de Campo

Em dia especial na Casa 70

Franvisco Carvalho - 28 de Março, 2016

Rogério Silva apaga setenta velas em meio a familiares e amigos

Fotografia: José Cola

Os caminhos apontam hoje para a Casa 70 em Luanda. Rogério Torres da Silva junta familiares, amigos, agentes desportivos e curiosos num jantar especial. O "decano" dos presidentes das federações desportivas nacionais apaga 70 velas. Uma idade especial para homens especiais. Atingir a longevidade é "uma bênção de Deus".

Nascido em Ondjiva, província de Cunene, Rogério Silva assume que nunca atingiu notoriedade relevante como atleta, mas foi no Liceu Diogo Cão, no Lubango, e no Colégio Alexandre Herculano, no Huambo, que se sentiu influenciado pelo desporto. O antigo xadrezista não atingiu o título de Mestre, mas decidiu enveredar pelo dirigismo desportivo nos anos 80. Hoje, é "a enciclopédia desportiva" em Angola.

O primeiro presidente da Federação Angolana de Xadrez (FAX) e o terceiro do Comité Olímpico Angolano (COA) assumiu a Comissão Executiva por 11 anos, entre 1993 e 2004. Hoje, ocupa o lugar de honra na galeria do desporto nacional.Rogério Torres Silva, na qualidade de dirigente da FAX, foi um dos fundadores do COA, a 17 de Fevereiro de 1979, a par dos dirigentes das Federações nacionais de Andebol, Atletismo, Basquetebol, Futebol, Ginástica, Hóquei em Patins, Judo, Natação e Voleibol.

A partir daí, o COA foi reconhecido provisoriamente pelo Comité Olímpico Internacional (COI) na reunião da Comissão Executiva em Nagoya (Japão), em Outubro de 1979 e o reconhecimento oficial aconteceu em Fevereiro de 1980, na reunião internacional do COI em Lake Placid City (EUA).

Este verdadeiro decano do COA só pode ser ultrapassado no olimpismo angolano por Gustavo Dias Vaz da Conceição, actual presidente daComissão Executiva. Quando entrou na instituição já o encontrou, ocupando a posição de secretário geral durante oito anos (1993-2001).Nascido a 28 de Março de 1946, o filho do casal Albino Gaspar Nunes da Silva e Celeste Cerveira Nunes da Silva tem como preferência alimentar uma Muamba de Galinha (que infelizmente já não consegue comer muito). Para regar a refeição, prefere uma "boa cerveja nacional".

Na hora de aperitivo, Rogério Silva gosta de whisky.Casado com Esperança Nunes da Silva, Rogério Silva é pai de seis filhos, mormente, Artur Jorge, Pedro Nzagi, Raúl Filipe, Ana Isabel, Indira Nair e Ana Luena. O patriarca dedica os tempos livres com a família e contactar amigos.Nascido nas terras de bois, Rogério Silva tem como cidade preferida a capital de Angola. A lealdade ao país natal, fê-lo um homem respeitado.O cristão assumido tem como ídolo o seu pai, Albino Gaspar Nunes da Silva.

Como adepto, Rogério Silva tem amor pelo Benfica de Lisboa, Real Madrid e Santos do Brasil. Em Angola, é de "todos os clubes que jogam bem e têm fair play". O jornal dos Desportos, em especial o Fora de Campo, deseja a Rogério Silva muitas felicidades pela passagem de mais um aniversário natalício e que o dia de hoje se repita por muitos e longos anos de vida. Parabéns!