Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Fora de Campo

Ginasta troca casório por ouro

20 de Julho, 2015

Ginasta brasileira revela que a expectativa de obter medalha nos Jogos Olímpicos é maior com a consagração em Toronto

Fotografia: AFP

O desporto é uma paixão. Assim demonstra a ginasta brasileira Ana Paula Ribeiro. Às portas do enlace matrimonial, a desportista preferiu colocar as alianças à parte e viajar para Toronto, palco dos Jogos Panamericanos de 2015, com a selecção de ginástica rítmica do seu país. Uma ousadia com término feliz.Há três meses, Ana Paula Ribeiro arriscou tudo na sua vida pessoal. Em companhia de mais cinco outras atletas, sagraram-se campeãs dos Jogos Panamericanos ao obter a nota total de 30.233 pontos após a rotação final.

O EUA e Cuba quedaram-se nas posições subsequentes.Ana Paula foi a grande vencedora do dia. A brasileira juntou-se à selecção do seu país em Abril e deixou muitas coisas para trás: demarcou o casamento, que já tinha data certa. Revela que o noivo entende a situação e não protesta. "Viemos ao Pan, porque precisamos manter essa hegemonia brasileira. Tínhamos essa responsabilidade", justifica.

Quanto à nova data da boda, a brasileira respondeu: "Não sei quando vai acontecer, mas só depois dos Jogos Olímpicos".O patriotismo da brasileira também a levou a encerrar uma escola de ginástica com 50 alunas, no seu Estado Natal, o Espírito Santo. "Estava a deixar o desporto definitivamente, quando surgiu a oportunidade de integrar a selecção. Tenho 26 anos e não sou nova para ginástica", disse a campeã que se estreou como titular, depois de ter sido suplente no Pan do Rio-2007.

Breves
Cristiano Ronaldo tem versão "cyber" no Japão


Cristiano Ronaldo deixou de existir, em exclusivo, no museu de cera Madame Tussauds, em Londres. Em Tóquio, há uma nova "versão cyber" do tuga, construída com o auxílio de 110 micro câmaras e de um scan 3D ao seu corpo. De passagem pelo Tóquio para divulgar um aparelho eléctrico que estimula o abdómen, o avançado do Real Madrid apreciou o resultado final. "É perfeito. Adorei. Tenho de dizer que se parece comigo. Seria mentiroso se não dissesse", comentou.

O regresso à selecção ocorre depois de um hiato de quatro anos. Em 2011, foi forçada a deixar o grupo para ajudar a mãe que sofria de esclerose múltipla. "Abandonei a selecção para ficar com ela", disse.No meio tempo, treinava três vezes por semana, mais por lazer que obrigação. O principal ofício era cuidar da escolinha de ginástica. Depois de receber a convocatória para regressar à selecção e compor o grupo, a sua rotina mudou drasticamente. "Somos dez atletas que dividiam dois apartamentos.

Treinamos das 8h às 21h, todos os dias", esclarece.Agora, a exigência é ainda maior: brilhar nos Jogos Olímpicos do Rio'2016. A expectativa é maior, porque o Brasil não participou em Londres'2012. Ana Paula Ribeiro, acostumada a sorriso, aceita o desafio: "Uma medalha é bastante difícil, mas é possível".


Irina Shayk pratica pesca
A manequim Irina Shayk decidiu ir à pesca e teve sorte. A russa conseguiu, pelo menos, um peixe, tal como prova a imagem que publicou no sábado nas redes sociais, na qual aparece a bordo de um barco. "A fazer novos amigos... Mais ou menos", escreveu a modelo como legenda da fotografia. A antiga namorada de Cristiano Ronaldo não revelou onde está a desfrutar de uns dias de descanso, mas, ao que tudo indica, tem fugido da rotina e apostado em novas actividades.