Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Fora de Campo

Museu aguarda a inauguração

14 de Janeiro, 2016

Painéis interactivos e telas gigantes passam a estar à disposição dos visitantes a partir do próximo mês na capital da Suíça

Fotografia: AFP

O Museu do Futebol Mundial da Fifa, no centro de Zurique, vai abrir as portas ao público no dia 28 de Fevereiro, apenas dois dias depois das eleições para a presidência da entidade. Após as obras realizadas durante dois anos, a empresa construtora fez a entrega oficial do edifício em Dezembro e deixou prevista a inauguração para o próximo mês, de acordo com informações divulgadas pelo organismo, em comunicado.

A Fifa investiu 140 milhões de francos suíços nas obras de remodelação e reforma do prédio, dos quais 30 milhões de francos suíços correspondem ao museu. A seguradora Swiss Life, proprietária do imóvel, fechou um contrato de arrendamento com a entidade até o ano de 2055.Na nota, foi explicado que até o dia da abertura, vão ser realizadas uma série de testes.

"Vários grupos vêm ao museu para testá-lo. Também vamos pôr à toda a prova a capacidade máxima do local", disse o director do museu, Stefan Jost, que destacou ser importante "estarmos totalmente preparados para a inauguração".Os visitantes que forem ao local, com três mil metros quadrados de exposição, distribuídos em três andares, vão contemplar mais de mil objectos que representam as diversas facetas do mundo do futebol. Além da evolução do futebol internacional e da singularidade do Campeonato do Mundo, as pessoas vão entrar num universo multimedia e interactivo e viver as emoções despertadas diariamente pelo desporto.

O museu conta com mais de 15 painéis interactivos e mais de 60 telas, nas quais vão ser projectadas imagens, com o futebol como protagonista. Uma das grandes atracções vai ser o troféu original do Campeonato do Mundo."Nas nossas salas de reuniões e eventos, podem ser organizados todos os tipos de acções ou mesas -redondas", acrescentou Jost.O local  vai contar ainda com um bar dedicado ao mundo do futebol, um restaurante, um café, uma loja e uma biblioteca com mais de quatro mil obras relacionadas com a modalidade. Nesses espaços, vai haver entrada cerrada.