Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Fora de Campo

rfo em extradio

11 de Março, 2015

immy Thoronka, foi quando competiu na equipa de estafeta de 4x100 metros da Serra Leoa

Fotografia: AFP

O desaparecimento dos atletas da Serra Leoa, no final dos Jogos da Comunidade Britânica'2014, foi notícia em todos os canais, jornais e revistas especializadas em desportos. Nove meses depois, o mistério começa a ser desvendado com histórias comoventes.A última vez que o mundo ouviu falar de Jimmy Thoronka, foi quando competiu na equipa de estafeta de 4x100 metros da Serra Leoa, nos Jogos da Comunidade Britânica, em Glasgow, em Julho do ano passado. Agora, a polícia londrina descobriu-o. Thoronka tinha fugido da comitiva do seu país, que regressou a casa, e passou a viver na capital inglesa.

Sem abrigo e a subsistir pela mendicidade, foi detido e as autoridades britânicas remeteram o seu caso para o departamento de emigração, que pode extraditá-lo.Este jovem velocista, que fez uma opção de vida semelhante a Francis Obikwelu - não regressou à Nigéria, ficando em Portugal, após disputar o Mundial de juniores - explicou que não podia voltar à Serra Leoa, porque perdera todas as raízes, já que a família tinha sido dizimada pelo surto de ébola que afectou aquela região de África.

A vida deste atleta é um drama desde a infância. Quando criança, perdeu a família biológica na guerra. Agora viu, já em Londres, o seu novo lar também desaparecer por completo, quando escutou, num noticiário, que a enfermeira Jelikatu Kargbo, a sua mãe adoptiva, também não escapara à praga que assolou a região.Jimmy Thoronka lavava a roupa nas casas de banho públicas, que secava, depois, na relva dos parques, onde também pernoitava. Numa mochila transportava todos os pertences: o telemóvel, a escova de dentes, umas cuecas, umas calças, e um pacote de paracetamol. Os transportes e a comida eram pagos com o dinheiro que arrecadava a pedir nas ruas.


Sylvan Wiltord evita a morte na Argentina

O ex-jogador do Arsenal Sylvain Wiltord e o nadador Alain Bernard escaparam do acidente que vitimou os três atletas de renome da França: a velejadora Florence Arthaud, a nadadora Camille Muffat e o pugilista Alexis Vastine. Sylvain Wiltord e o nadador Alain Bernard participavam no reality show Dropped, mas não estavam nos helicópteros ao serviço do programa, assim como o ciclista Jeannie Longo, a snowboarder Anne-Flore Marxer e o patinador Phillipe Candeloro.
   
Palmeiras chega a 100 mil sócios e entra no top dez mundial

Impulsionado pela inauguração do Allianz Parque e pela época 2015, a equipa brasileira do Palmeiras ultrapassou a marca dos 100 mil sócios-adeptos no ranking divulgado ontem pelo Movimento por um Futebol Melhor. O clube agora figura no top 10 mundial e ultrapassa o Manchester United, que informou em 2014 ter 100 mil sócios. O Sport Lisboa e Benfica é o clube com maior número de sócios-adeptos do mundo.