Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Entrevistas

Fofó ambiciona bota de ouro

Avelino Umba - 04 de Junho, 2017

Pontaria afinada aumenta fé do médio em ser o goleador do campeonato

Fotografia: Santos Pedro

A cotação do médio ofensivo do Progresso Sambizanga Fofó está em alta no Girabola Zap. Com sete golos apontados na primeira volta, revelou em entrevista ao Jornal dos Desportos que ambiciona conquistar a bota de ouro esta época.

O atleta admite que a tarefa não será fácil, pois, está ciente da qualidade dos outros concorrentes, por isso, antevê um forte despique até ao fim do campeonato nacional. Ainda assim, confessou não estar preocupado com os outros pretendentes e alguns deles mais experientes.

\"Sei que a lista é grande, mas não estou preocupado com os outros concorrentes, pois, cada um trabalha a sua dimensão para alcançar os seus objectivos\", esclareceu confiante nas suas potencialidades e na qualidade do plantel sambila.

 Contratado no fim da época passada ao ASA, o camisola 18 da equipa orientada por Kito Ribeiro, cedo ganhou confiança, notoriedade e é neste momento uma das referências da equipa para os objectivos que o Progresso persegue este ano.

Com sete golos apontados, Fofó, mostrou ter a pontaria afinada para constar na lista dos melhores marcadores na presente época e já conquistou os adeptos do clube, bem como muitos que acompanham o campeonato nacional.

Disse estar consciente do valor dos goleadores que lutam pelos mesmos objectivos, \"mas com trabalho e dedicação tudo é possível chegar ao lugar em que pretendo\", acentuou o jogador, uma das peças preponderantes no esquema táctica da formação do Sambizanga.

O médio ofensivo confessou que o segredo para excelente época que está a realizar no ano de estreia no Progresso é fruto de grande empenho no dia a dia e acima de tudo, humildade nos treinos e espírito de união com os colegas.

\"Isso tem haver com trabalho e aplicação aos treinos. Acredito que quando se trabalha de forma dura e incansável, os objectivos que pretendemos alcançar aparecem com naturalidade e conseguimos fazer golos com facilidade\", ressaltou.


CONFISSÃO
“Quero continuar a crescer”


Fofó declarou ao nosso jornal que tem como fonte de inspiração e ídolo o seu irmão Love Cambula. De 23 anos de idade e com margem de progressão, o atleta enaltece o espírito de equipa reinante no Progresso influenciando na sua prestação.

\"Isso tem haver com trabalho, aplicação aos treinos e acredito que quando se trabalha de forma dura e incansável, os objectivos nos jogos aparecem e conseguimos alcançar o que pretendemos. O número de golos feitos até ao momento esta época é consequência de tudo isso\",  salientou.

O melhor marcador dos sambilas destacou que o despique esta época no Girabola Zap tem sido equilibrada a todos os níveis, por isso, antevê uma segunda volta bastante disputada e com desfecho imprevisível.

\"Tudo isso foi fruto da entrega e dedicação de toda a equipa, a julgar pelo trabalho árduo que temos vindo a levar acabo diariamente para atingir tais feitos. Sei que foi difícil marcar esses sete golos, mas com trabalho realizado pelo grupo foi possível. Vou continuar a trabalhar para voltar a marcar e ajudar a equipa naquilo que são os seus objectivos\", precisou.

Afirmou que almeja continuar a crescer para atingir o potencial desejado e ombrear com os melhores do país. \"Pretendo continuar a crescer, pois, tenho os meus objectivos e por esta razão trabalho todos os dias para poder ultrapassar algumas barreiras e chegar onde for possível\", realçou.

Fofó tem como pontos fortes a desmarcação, bom jogo de cabeça sem descurar o remate colocado, tornando num jogador temível dentro da grande área.                                         


DESEJO
“Todo atleta sonha jogar na Europa”


Fofó confessou ao JD estar feliz no Sambizanga e acredita em dias melhores neste desafio com a camisola da sua nova equipa. O médio sublinhou que continua a sonhar em representar os Palancas Negras e jogar numa equipa da Europa.

\"Todo o jogador sonha representar as cores da Selecção Nacional de Honras e um dia jogar na Europa, comigo não é diferente. Tenho esta ambição e acredito que um dia o sonho será realizado\", acentuou confiante num futuro airoso.

O equilíbrio em todos os pólos da classificação do campeonato nacional mereceu igualmente a avaliação do médio sambila, considerando que a prova está bastante disputada e equilibrada no despique pela conquista do título, melhoria da classificação e fuga à despromoção.

\"É um campeonato que está muito competitivo, a julgar pelas equipas que nela actuam. O Girabola está com equipas muito fortes onde são se vê grupos fracos, embora alguns com mais experiências que outras. Todas as equipas têm respeito de umas das outras e a fazerem jogos bastante difíceis\", frisou. Modesto nas suas declarações, Fofó agradeceu o apoio da direcção, colegas e equipa técnica pelo apoio que tem recebido em especial a sua família. que têm influenciado de forma positiva na sua carreira.