Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Entrevistas

"Ginstica est sempre a subir e evolui em catorze provncias"

Joo Francisco - On-line - 31 de Janeiro, 2013

oordenador Nacional das Academias de Ginstica Paulo Joo Serro

Fotografia: Domingos Cadncia

A Ginástica angolana tem nos últimos tempos somado êxitos que demonstram existir de facto trabalho de massificação um pouco por todo o País, como nos comprova Paulo João Serrão ou simplesmente Pina Serrão, como é conhecido nas lides desportivas, o coordenador nacional das Academias de Ginástica da Federação Angolana de Ginástica (FAG) .  Paulo Serrão é vogal de Direcção da FAG desde 2009, pela mão do actual presidente da instituição, Auxílio Jacob, que o convidou para exercer o cargo de Coordenador Nacional das Academias, funções que ainda ocupa no segundo mandato do elenco que vai dirigir os destinos da modalidade no quadriénio 2012-2016.

Para Paulo Serrão, a Ginástica Angolana demonstrou em 2012 ser uma das modalidades individuais que melhores resultados tem feito se tivermos em conta as 17 medalhas, entre as quais oito de ouro, obtidas no Campeonato regional e no Africano, disputados em simultâneo em Dezembro último em Pretória. “Este êxito retumbante da ginástica de Angola nas duas competições continentais dá-nos o direito de estarmos presentes por mérito próprio nos Campeonatos mundiais de Ginástica Rítmica e de Tumbling que são disputados em Setembro e Outubro deste ano em Kiev (capital da Ucrânia) e Toronto (Canadá), respectivamente”, sustenta.

“Massificação em vários polos”

O coordenador das Academias da FAG disse que a ginástica está implantada em 14 das 18 províncias do País, sendo Luanda o principal centro de desenvolvimento da modalidade. “As principais agremiações desportivas de Luanda, como o Petro Atlético, 1º de Agosto, Team Elite, Gamar (no Município do Rangel), Agefir (no 1º de Maio) têm Academias de Ginástica e participam regularmente nas competições oficiais”, disse. O trabalho da FAG não se limita à Ginástica Desportiva e competitiva. Também controla a Ginástica de manutenção para todos e com contributos significativos para a saúde das populações.

“Hoje estamos bem representados na ginástica desportiva e competitiva, um pouco por todas as províncias. Já se faz ginástica com núcleos ou Associações provinciais, como em Benguela, Cabinda, Huambo, Bié, para não citar Luanda, citando apenas alguns centros onde temos prática efectiva”, frisou.

Quanto à Ginástica de manutenção, “cujo objectivo passa por promover hábitos sãos”, o dirigente confirma a existência de várias academias e Ginásios, principalmente em Luanda, onde, à semelhança de outros centros populacionais, pode-se ver amiúde praticar-se exercícios de Ginástica controlada em alguns parques reabilitados pelo Executivo.


RECONHECIMENTO
Medalhistas nos Campeonatos
africanos são verdadeiros heróis


A conquista de 17 medalhas no zonal VI (SADC) e no Campeonato Africano, em ambos o sexos, em Pretória (África do Sul), e a consequente qualificação aos mundiais de Ucrânia e Canadá marcaram positivamente a modalidade em 2012.  Paulo Serrão conta-nos que “nas duas provas de Dezembro, pela primeira vez no Africano, a selecção nacional obteve medalhas de ouro e também de prata e bronze, o que nos possibilita mostrar o que a Ginástica angolana vale nos dois eventos mundiais da especialidade de ginástica rítmica e tumbling, na Europa e América”.

“Os atletas das categorias de seniores, juniores e pré-juniores femininos e masculinos, com idades compreendidas entre oito e 23 anos, trouxeram para Luanda oito medalhas de ouro, seis de prata e três de bronze.” “As medalhas de ouro foram arrebatadas por Horácio Pitagrós, Muto Francisco e António Afonso, em juvenis, que no seu conjunto deviam ser considerados heróis”, disse.

 “Em juniores, Doroteia António ficou com a medalha de prata, enquanto no pré-júnior masculino Jerson Samuliu obteve o bronze. Na disputa de juvenis femininos, o trio constituído por Julmira Tchempele, Blandina Rodrigues e Maricel Sitaque, esta última de apenas oito anos de idade, conseguiu a medalha de prata”, acrescentou.  A competição da região Austral contou com participação da África do Sul, Angola, Namíbia e Zimbabwe.

 Angola, que se fez representar pela primeira vez no africano, teve como coordenadora e técnica feminina, Larissa Ribeiro, de nacionalidade brasileira, que é auxiliada por Jandira Anciã, enquanto Xungo Moque é o técnico para o tumbling em masculinos, coadjuvado por Semba Miguel. Para o vogal de Direcção da FAG, os préstimos da professora brasileira têm sido uma mais-valia para o desempenho dos ginastas angolanos, principalmente no estilo rítmico.    

PERGUNTAS E  RESPOSTAS

Mandato Jacob é de cinco estrelas
Como tem visto o(s) mandato(s) liderados por Auxílio Jacob?
Tem sido excelente. Digo mesmo de cinco estrelas pelo seguinte: é um dos dirigentes que conseguiram colocar Angola no topo das competições continentais. A nível mundial, conseguiu que no Congresso de Cancun (México), realizado o ano passado, a Federação Internacional de Ginástica (FIG) readmitisse Angola, depois de estar suspensa durante muitos anos.

Tem tido muitas dificuldades?
São enormes, a começar pelas dificuldades que enfrentamos para adquirir material adequado para a prática da Ginástica e principalmente as questões financeiras para a realização do volume de actividades do nosso calendário, desde as Assembleias, Campeonatos e Taças de Angola, competições continentais  e desta vez os mundiais que se avizinham.

E os apoios com que tem contado?

De facto. Sem esses apoios não estaríamos onde estamos agora. E isto só é possível graças aos patrocínios que temos recebido de empresas amigas da ginástica, como a UNITEL, Refriango, a TAAG (nos descontos dos bilhetes de passagem), a ENSA, que tem assegurado os seguros dos nossos ginastas, a Ginofest, entre outras empresas estatais e privadas.

POR DENTRO

Nome completo: Paulo João Serrão
Filiação: João Paulo Serrão e Susana Pinheiro
Filhos: Três
Estado civil: Solteiro
Altura: 1,83 m
Peso: 87 kg
Calçado: 44
Religião: Testemunha de Jeová
Prato preferido: Calulu de Peixe
Desporto Preferido: Ginástica
Cor: Preto e Azul
O que mais detesta: A falsidade
Passatempo: Leitura. Ler tudo sobre desporto
Cidade de Sonho: Sidney (Austrália)